Diário da Si

NORMAL? PORQUE NÃO FIZ? PORQUE NÃO SOU?

O “Dia do Mestre” já passou… e eu procurei muito um trabalho que fiz para um professor da época da faculdade, muito querido e importante na minha vida, chamado Marcelino. Mas não achei cópia do tal trabalho já impressa, e o cd que o tem gravado está danificado… 🙁
Mas vou continuar a procura… rsrs E este mês em especial tenho pensando muito no curso Normal.
Vou encurtar a minha “história”… Família toda de professoras, normalistas… mas eu, adolescente do “contra”, nessa idade de rebeldia, decidi ir contra a maré… típico da idade!!! Propositalmente perdi a rematrícula no Instituto de Educação (já estudava lá, no tradicional IERJ, amado por toda a família,
inclusive eu!!!!).
Lamentações à parte, estudei teatro, secretariado, computação (naquela época o “pacote”: DBase, WS, Basic e sei lá mais o que… rsrsrssr Alguém se lembra disso????? E achava o máximo aqueles caracteres verdes na tela… uau, depois vieram os “cinzas”…rsrsrsr Sem falar na gigantesca “Monica” e afins… kkkkkk), curso de técnico em radiologia e etc…  Amante da escrita, da leitura, imaginava fazer psicologia, mas fui pra faculdade de Física (E todo mundo perguntava: Física?!?!?!?). Nem eu sei explicar esse momento de insanidade completa… Acho que foi surto, sei lá… Aquilo foi uma verdadeira “tortura” comigo mesma, mas tive amigos maravilhosos e professores também!!!! Deixo isso para um outro post, ok? Como os meus maiores sonhos sempre foram voltados para a família (o famoso complexo de cinderela: família, casa e marido… Felizes para Sempre!). Realmente depois que os filhos vieram, a vontade de ser dona-de-casa em tempo integral ficou maior ainda… E realizei mais esse sonho! Comecei a trabalhar com as festas (outro sonho)… Mas de uns tempos pra cá, tenho pensado em concluir de vez o tal Curso Normal. É… depois de muitos anos que o IERJ já tinha ficado para trás, tentei recuperar esse tempo… Me matriculei num desses cursos para quem já concluiu o ensino médio, fazendo apenas o complemento para então seguir a “regra familiar”: me tornar Professora!!! Mas não cheguei a concluir… e tenho pensado muito em voltar! Estou animada, empolgada, confiante… sei lá!!! Quem sabe no próximo ano tenho novidades nessa nova área? Quem sabe????
Bjks
Next Post

Posts Relacionados

No Comments

Leave a Reply