Daily Archives

01/02/2011

Diário da Si, Humor, Leitura-Textos-Poesias

♥ O PARAÍSO PODE SER RELATIVO ♥

Hoje de manhã estive lendo um desabafo da Tati, e me senti quase “dentro dele”… rsrsrs Bem, até deixei um comentário por lá, porque tudo nessa vida passa… por mais que doa, que magoe, me machuque… a gente tem que olhar pra frente, que continuar andando… Parar não leva ninguém a lugar nenhum!
E foi com esse pensamento, e constatação de que eu estive na inércia quase absoluta durante o ano de 2010 (e junto com tudo de ruim que aconteceu no ano), eu decidi que 2011 seria diferente! Mesmo que seja por enquanto apenas no modo de agir. Não quero falar de tristezas, e quando ainda assim, não conseguir… farei desabafos curtos e simples…
Sabe aquilo de “só piorar” as coisas? Pois é… Eu 2010 eu falei demais, eu busquei demais, eu senti demais… e quanto maior a intensidade, maior o choque mesmo!
Aí, agora lendo meus e-mails recebi esse aqui, que achei engraçadinho e faz a gente ter a certeza do “título” do post: o paraíso pode ser relativo! Depende do que vc acha que é o paraíso!!! rsrsrs
“Quando Ayrton Senna chegou ao céu, São Pedro foi logo perguntando:
– Como é seu nome, meu filho?
– Ayrton Senna da Silva.
– Ah!!! Você é aquele piloto da F1, não é?
– Sou eu mesmo.

– Aquele que tinha uma ilha em Angra dos Reis com heliporto, quadra de tênis, praia particular, 
um jatinho executivo Learjet 60 de 12 lugares (comprado por US$ 19.000.000,00), um helicóptero bi-turbo (avaliado em US$ 5.000.000,00), uma lancha Off Shore de 58′, uma fazenda em Tatuí e que ganhava US$ 1.200.000,00 por corrida?
– Sou eu mesmo.

– Andava de Audi, Honda NSX e tinha uma DUCATI com seu nome?
– Sim senhor!!!

– Morava em Mônaco, mas tinha apartamentos em NYC, Paris e viajava quando queria para o Brasil no seu próprio jatinho particular?
– Correto.

– Aquele que até hoje a família é acionista da Audi do Brasil?
– Sim, eu mesmo!!!

– Aquele que comeu a Xuxa e a Adriane Galisteu?
– Sim, senhor.
E abrindo o portão do paraíso para o receber… São Pedro disse:
– Putz ! Pode entrar, mas você vai achar o paraíso uma merda!!!”
E só pra não perder a “brincadeirinha”, imagine chegar nesse ponto e poder escolher:
Pela placa um é a direção contrária do outro, certo? E será mesmo tão oposto e contraditório assim o “Paraíso” e a “Liberdade”? Se fosse para escolher, será que todo mundo escolheria a “Liberdade” humana que tanto atiça os pensamentos e nos impulsiona a querer lutar mais e mais a cada dia; ou o “Paraíso” e a promessa divina da vida eterna que nos recompensará pelos pesares da vida terrena?
Eu diria que cada um acredita no que quer, como quer, e que fé é uma coisa muito pessoal!
Eu creio que esse “Paraíso” exista, mas na minha condição ainda humana, AGORA eu quero lutar como puder para poder ter a minha “Liberdade” e o meu pedacinho de “Paraíso” que está por aqui mesmo… rs

Tomara que eu só vá para o céu depois de bem velhinha…
Se eu pudesse escolher, gostaria de apagar 100 velinhas!!! rsrsrs