Browsing Category

Diversos

9º Encontro Blogueira S.A., Diário da Si, Diversos, Eventos, Notícia

VAMOS CONVERSAR SOBRE NOSSO #EBSA9

Sabe quando a gente precisa de que um dia tenha mais de 24 horas? Era o que eu queria. E eu achando que esse mês seria mais tranquilo.

Em pensar que quando falei num dos últimos posts, que não conseguiria fazer o #VEDO lá no canal, na minha cabeça passava que eu iria conseguir manter a rotina de posts diários. Ledo engano.  Mas do dia primeiro pra cá, cadê o tempo??? Quando eu via, o dia já tinha ido inteirinho, e por mais que eu quisesse, eu já estava desmaiando de sono em cima do teclado.

A casa está uma bagunça só, por todos os cômodos. A rotina com os meninos está intensa e com meus pais também. Mas graças a Deus, tudo fluindo bem… na correria, sem muito tempo de postar em nenhuma rede, mas vamos que vamos, porque a vida real é sempre mais importante que a vida virtual.

Mas nessa época do ano, eu já tenho tudo prontinho do #EBSA do ano seguinte. E dessa vez, ainda não. ha ha ha Ou seja, a correria vai aumentar ainda mais a partir de agora! E eu quero mudar tanta coisa nele… rsrsrs

Mas não sem falar com vocês antes. E vamos começar a falar dessas mudanças amanhã, numa live lá no insta. Se você ainda não me segue, vai lá: @simone_aline

Bem, e eu espero em breve voltar a rotina nas redes.

Super beijo,

 

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Comportamento, Diário da Si, Diversos

SINTONIA

Oi gente linda 🙂

Contei pra vocês que comecei um treinamento de autoconhecimento  e tem sido muito bom “olhar pra dentro”. Sem descuidar de absolutamente nada do que eu preciso dedicar meu tempo e minhas forças.

Filhotes em época de provas, papai ainda tem consultas pós-operatórias, e mamãe segue bem – na medida do possível. E eu sigo bem também, graças a Deus. Mas mesmo eu já sendo o “agente familiar” (aquele que acaba fazendo tudo na família), eu queria melhorar. Porque reclamar é sempre a solução mais fácil. E sim, eu reclamo… sou filha de Deus, né minha gente?! Mas no geral, sou de suportar muuuuuuuuito, muito mesmo.  Mas para eu reclamar, é porque realmente o negócio tá passando dos limites.

E todos temos limites, certo? Mas eu não gosto de limites do mal, e queria me fortalecer com meus limites do bem. Conseguem entender a diferença? É aquela velha história:

Otimistas dizem que o copo está meio cheio. E pessimistas acham que o copo está meio vazio.

Confesso que as vezes a gente nem percebe que está deixando o lado “obscuro da força” falar mais alto. E isso é  muito ruim, para nós mesmos. Então temos que sempre nos vigiar, nos controlar. Palavras são agouros e devemos profetizar o bom e o bem

Eu sempre fui positiva, alto-astral, e sempre preferi olhar as coisas com bons olhos. Mas focar sempre foi problema pra mim. Geminiana, né mores??? Como ensinar uma mulher geminiana a focar em alguma coisa? rsrsrsrs

“Você tem que saber o que realmente deseja… e você tem que estar em sintonia com esse desejo para ser capaz de manifestá-lo com sucesso.” (…) Eu estou amando essa leitura. Assim que você definir sua intenção em relação ao seu objetivo, você definirá o seu caminho.  
Talvez você não saiba como ou quando as coisas se desdobrarão, mas perceba que, ao canalizar a sua energia nessa intenção, você passará a atrair uma nova vida e a viver de uma nova forma.” (A Chave da Abundância)

Encontrar nossa sintonia, e conseguir equilibrar tudo, é difícil. Mas não é impossível. É um treinamento intenso (e delicioso) de autoconhecimento. Mas acreditem: quem ganha mais com isso não são os outros, somos nós mesmos!

É como fazer uma viagem… para um local desconhecido, embora a gente ache que se conhece muito bem já!

Super beijo,

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Bombril para blogs, Comportamento, Diário da Si, Dicas, Diversos, Negócios

SER BLOGUEIRA, GANHAR DINHEIRO OU AMAR O QUE FAZ?

Oi lindonas!!!

Já faz um tempinho que li um artigo no Empreendedor Digital, que me fez refletir para a blogosfera. Porque “ser blogueira”  virou um sonho de muitas meninas. E a maioria delas, de maneira bem distorcida.

O artigo é de Bruno Picinini, que tem como título: “Faça o que você ama… e fique sem saber como pagar as contas!” descreve exatamente um começar errado já! Porque quando a gente decide alguma coisa pra fazer, estudar ou trabalhar, gostando daquilo, o sucesso é certo, e o dinheiro vem! Porque tudo o que a gente faz com amor, rende frutos, lógico! É uma ordem inquestionável: plantar, cuidar e colher! Mas isso não significa que essa ordem será exatamente na mesma proporção. Por exemplo: o tempo de plantar, é rápido. O tempo de cuidar, é eterno. E o tempo de colher, é numa época certa. Sempre assim!

Não adianta pensar que é só plantar e regar um pouquinho para colher. Ou que quando se colhe, não precisa mais plantar e cuidar de nada. Toda colheita acaba! E essas são as partes que ninguém explica ou explicita na blogosfera. Não de uma forma tão clara, a ponto do entendimento ser mais amplo.

A fórmula pode funcionar (aliás, o amor como base sempre funciona, em qualquer situação). A paixão é algo que nos leva além, nos faz querer mais, nos faz arriscar. Mas essa fórmula que parece simples, pode não funcionar tão rápido quanto se espera, e é preciso entendimento para não se sentir prejudicada depois.

“Uma prova disso é olhar a quantidade de pessoas que já ouviram esse conselho, o consideram verdade absoluta e estão até hoje tentando achar esse trabalho mágico que a gente ama fazer e dá dinheiro.”

O que devemos ter consciência é que esse trabalho dos sonhos só vai existir se for árduo, intenso e contínuo! Não basta amar o que faz. É preciso batalhar muito, muito mesmo, para que esse amor pelo trabalho se transforme em dinheiro para pagar as contas no final do mês. Não é realmente tão fácil quanto parece.

Assim como o Bruno, autor do artigo que me fez refletir e escrever sobre o tema aqui, eu não estou dizendo que não existe esse trabalhar com amor e ganhar por isso. Sim, existe! Mas olha… é intenso! Demora até conseguir colher os frutos. Porque receber mimos é bom, experimentar produtos também. Mas nada disso paga contas. E essas sim, mais cedo ou mais tarde, começam a chegar! Ou seja: tem que se trabalhar muito para poder pagá-las, fazendo aquilo que se ama!  ♥ 

Porque fazer de graça, é serviço voluntário. Eu por exemplo, adoro fazer também! Mas preciso de dinheiro para pagar todo o restante, e é  aí que está o tal segredo: “se existe algo que você goste de fazer (como blogar), faça isso e tente transformar isso em um negócio.” Essa será a parte difícil. Não faltam blogs bacanas por aí. Encontre seu diferencial, e trabalhe mesmo em cima dele. Encontre alguma coisa que só você faça, e faça mais e mais… até se tornar referência! Até que outras pessoas se inspirem no que você faz! Isso é motivador demais. Deixar rastros, juntas forças, agregar valores, e continuar trabalhando… sempre!

Pouco a pouco, com feedbacks do mundo real, todo mundo vai se achando. Bruno recomenda que as pessoas tentem encaixar seus “sonhos” nos três círculos de convergência:

O primeiro círculo é para as coisas que você realmente gosta de fazer, o círculo da “paixão”. As coisas que você gosta de fazer ajudam – e muito – na hora de criar um negócio, por causa da vontade e energia que você vai colocar nisso.

O segundo círculo é o da habilidade. Você pode gostar muito de uma coisa, mas isso não significa necessariamente que você é bom nela. Muitas pessoas gostam de jogar futebol, mas isso não significa que elas são boas nisso. Muitas querem ser blogueiras, mas sem um português ao menos beeeeeeem razoável, fica difícil. Ou querem virar a próxima webcelebridade do youtube, mas tem vergonha de começar a gravar vídeos. Ora bolas, primeiro somos nós mesmas que temos que saber o que queremos, além de ter consciência daquilo que levamos jeito. Porque sem jeito pra coisa, fica difícil de tornar isso rentável. Será só hobby mesmo.

O terceiro, que é o círculo mais importante, é o círculo da demanda. Isso é o que você gosta de fazer e isso é no que você é bom. Existe essa demanda no mercado? Existem pessoas que querem saber mais desse conteúdo? E principalmente: existem pessoas que lhe pagariam para que você falasse sobre esse assunto? Se não existe, você terá dificuldade em trabalhar com isso.

Eu recomendo que você seja você. Não tente fazer do mesmo jeito que outra pessoa faz. Faça do seu jeito. Coloque mais de você num texto, num vídeo… abra seu coração de verdade! E busque sempre melhorar.

Nesses três círculos, somente o terceiro é obrigatório para se ganhar dinheiro. Se você quiser fazer algo por hobby, não tem problema. Eu por exemplo, gosto de fazer artesanato, de dançar, de cuidar de animais e pessoas… mas decidi que iria trabalhar com o blog. E a luta sempre foi intensa para isso.

Não adianta você gostar muito do que faz, não adianta você ser muito bom naquilo, se não houverem pessoas dispostas a pagar pelo SEU conteúdo e pelo o que você pode entregar de valor.

Essa é a dica: Cuidado com o conselho de “Faça o que você ama”! Em especial se você quiser transformar umm hobby em trabalho. Dá pra ser blogueira, amando o que faz e ainda ganhar dinheiro com isso? Sim, dá! Mas isso vai depender de você. Se você dedicar seu tempo para reparar e falar mais do trabalho do outro… vai perder seu precioso tempo, enquanto a outra pessoa estará trabalhando. Consequentemente, ela vai ganhar dinheiro, e você não!!!

Trabalhe, trabalhe duro, e trabalhe mais… Preocupe-se com o seu trabalho, fale do seu trabalho, mostre o seu trabalho. NINGUÉM, exceto você, pode fazer o SEU trabalho valer a pena e render dinheiro!!!

E vocês, já conseguem também um dim dim com seus blogs? O que mais sentem dificuldade na hora de negociar um trabalho? Que resistência encontram nessa vida de blogueira?

Bjks!

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Comportamento, Diário da Si, Diversos

REOLHAR A VIDA

Que delícia que está sendo essa semana… podendo sentar um pouquinho para escrever aqui. Ontem eu contei sobre o dia que minha mãe desapareceu. Ainda não tinha tido tempo de contar isso no blog. Só quem me acompanha nas outras redes sociais que acompanhou todo o desespero daquele dia!

Mamãe está passando por uma crise de depressão. Ela já teve uma época assim, há alguns anos atrás. Porém de forma bem mais branda, e que passou bem mais rápido. Dessa vez ela realmente ficou “arriada”. Ainda está pra baixo, e um dia ou outro, tem um sopro de ânimo.

Mamãe sempre foi uma pessoa difícil de lidar:  dona da razão, mandona, brigona… Sempre foi de dar a última palavra, de não perder discussão, de falar mais alto pra ganhar no grito… E eu jurava que quando ela tivesse mais idade, que ela ficaria ainda mais difícil do que o que sempre foi!

Ledo engano, graças a Deus!

A imagem pode conter: 4 pessoas, incluindo Simone Aline e Marcelo André Chagas, pessoas sorrindo

Hoje, aos 79 anos, mamãe está uma vovózinha fofa. Tirando a tristeza, claro! Mas ela está super de boa. Teimosa, é verdade. Mas melhorou muuuuito o temperamento, muito mesmo! Reolho ela diariamente, e apenas retribuo tudo o que ela sempre fez por mim, a vida toda! Mas confesso: que bom que ela ficou mais tranquila com a idade! Minha linda

E se a gente parasse para Reolhar a Vida?

Esse post faz parte da Blogagem Coletiva da minha guru Elaine Gaspareto. Caraca, ela começou no primeiro dia do ano, e eu só fui ver isso agora… Como estou feliz de poder, aos pouquinhos, reolhar os blogs amigos, ler pessoas queridas, e escrever aqui… apenas pra falar da vida, conversar!

Vem participar também! Super beijo!

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Comportamento, Crianças / Filhos, Diário da Si, Diversos, Festas

O CONCURSO DOS SONHOS

Kim RosaCuca estreou no teatro aqui no Rio, dia 19 de Agosto, há um mês atrás!!! E só hoje que eu consegui vir aqui pra falar um pouco disso com vocês.

No dia encontrei com várias amigas blogueiras na peça e na festa. E pela primeira vez meus filhotes quiseram nos acompanhar em alguma coisa assim… acho que se empolgaram para ver Felipe Mariano também:

Vizinho, amigo de longa data, colega de diversos trabalhos, e há alguns anos, MC do nosso #EBSA, Felipe Mariano divide o palco da peça com a Kim! E eles arrasaram, de verdade!

Ela interpreta Valentina, uma menina alegre, sonhadora e muito fã da youtuber Kim Rosacuca. Valentina tem um grande sonho desde pequena. Ela quer ser cantora. Seu irmão, Joaquim (Felipe Mariano), sempre gostou muito de dançar. Os dois cantavam e dançavam juntos por horas. Mas, a medida que foram crescendo, a realidade foi afastando o menino do seu sonho. Eles mudam de escola, fazem novos amigos e um Concurso de Talentos muda completamente suas vidas. Valentina aprende que é preciso seguir em frente, prosseguir e nunca desistir.

No dia da peça, quem me acompanha no instagram, acompanhou pelos stories o desespero do dia que mamãe desapareceu. E toda a sage percorrendo hospitais, casas de amigos, IML e vários estabelecimentos comerciais… foi um dia de muito sufoco e desespero! Mas filhotes (embora também preocupados, porém sem perceber a gravidade do problema) queriam muito ir a peça, e depois a festa.

Bem, e nós fomos. Durante a peça, tive que me ausentar várias vezes, mas filhotes curtiram muito! Mas deu pra entender bem a história, que foi muito bacana. Além de constatar que Kim também é talentosa demais na atuação e no canto, além de Felipe!

Depois da peça, houve uma festa para comemorar a estreia e nada de mamãe ainda. Ela havia saido por volta de 8 da manhã. Já passava de 8 da noite, e nada dela aparecer… Na festa, combinei com Karen e Tiago de levarem os filhotes com Matheus para casa, enquanto partíamos para verificar mais hospitais:


É isso!

SIGA EM FRENTE, PROSSIGA E NUNCA DESISTA!

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Comportamento, Diário da Si, Dicas, Diversos, EcoFashion, Moda, Negócios, Recebidos | Jabá | Mimos

ECOFASHION BAZAR

Como o tempo passa rápido… e conforme a gente vai ganhando idade, parece que passa mais rápido ainda. Não é conversa de mãe, de tia, de vó não… é verdade! Porque a gente ainda tem tantos planos, tanta coisa pra realizar, que percebe que tem que correr mais, tem que aproveitar mais cada minutinho. A vida é uma eterna luta contra o tempo. Temos 24 horas, e o que devemos fazer nesse período? VIVER!

Viver com intensidade cada momento, de alegria ou tristeza, fazer alguns durarem mais, outros nem tanto… Aprender a dar a volta por cima. Conforme a idade avança, a gente entende cada vez mais o que significa “cair e levantar”!

A gente já não se importa com tanta coisa! 😉 E isso faz um bem danado.

Mas porque comecei a falar da vida? Hoje estava eu, lendo um comentário que recebi num blog antigo. Na verdade, vira e mexe me escrevem (só que por e-mail) perguntando algo relativo ao EcoFashion Bazar. Mas dessa vez quem perguntou, entrou e preencheu o formulário de contato. Acabou indo para o meu e-mail também, claro. Mas eu nem sabia que o tal blog ainda estava lá… ops… aqui na internet! Achei que tivesse excluído, sei lá…

A questão é que bateu uma saudade daquela época, entendem? Não da lojinha em si. Mas dos pequeninos eventos que eu fazia lá (já com blogueiras). UAU!!! E as pessoas imaginam que eu comecei nessa vida há pouco tempo… Tem gente que nem o #EBSA conhece direito, e já quer chegar sentando na janela!!! Ah, vai…  rsrsrs

Ohwn, e esse topo de blog:

ha ha ha Que coisinha mais fofinha! Bonequinhas eram moda na época. Daí foi só escolher várias dolls estilosas, e colocar a minha carinha nelas! ♥ 

Bem, e quando eu recebi esse comentário, e fui ver o blog, fiquei recordando tanta coisa! É tão bom ter boas lembranças, né?

Na semana passada aqui no blog, eu falei sobre uma loja que eu conheci nessa época. Que vende meias no atacado, e que mesmo depois que encerrei as atividades no bazar, continuei como cliente: www.lojakeny.com.br

Querem saber mais? Só apertar o play do vídeo:

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥

Dicas, Diversos, Moda, Negócios, Publi

MEIAS KENY

Oi gente linda 🙂

Quem já me acompanha por aqui faz um tempo, com certeza deve lembrar do meu “EcoFashion Bazar”, onde eu vendia roupas, sapatos, acessórios, meias… E um pergunta que vira e mexe ainda me fazem é: onde comprar tudo isso mais em conta?

Eu sempre fui uma pessoa que gosta de economizar e que vive atrás de uma pechincha. 😉 Porque sempre valorizei muito meu dinheirinho, tá?

Já fechei meu comércio faz tempo, mas mesmo sem vender mais (porque eu realmente não tenho o menor talento para vendas!!! rs), eu continuo antenada em lojas onde eu possa economizar. Porque quanto mais economia, melhor!!! ha ha ha E as vezes a gente acaba indo só no shopping, e pagando o preço de alguma coisa lá em cima… quando na verdade poderíamos levar vários produtos iguais (da mesma marca, inclusive), receber em casa, e ainda pagar muito mais barato por isso!

Si, mas isso existe? Tem como? Claro que tem! Se liga na dica: para comprar meias de todos os tipos, de ginástica a sapatilhas, de masculinas a infantis… as Meias Keny arrasam em todos os pés e estilos:

meias keny-meias baratas-meias no atacado-keny-meias-promoção-frete grátis

Fundada em 1995, pioneira na produção e fabricação de meias, a Meias Keny leva em seu portfólio centenas de clientes já atendidos, buscando sempre inovação nos modelos e no conforto.

O maior diferencial (além do precinho de atacado e do pagamento facilitado) é que as meias são sem costura, oferecendo maior conforto nos pés. No site eles tem vários modelos, e kits femininos, masculinos e infantis.

Atendendo todo o Brasil, com frete grátis, as meias Keny são encontradas no site www.lojakeny.com.br

Se você tem uma loja, um bazar ou comércio, ou vende roupas e acessórios para as amigas por aí, essa pode ser mais uma forma de você faturar: porque além do frete grátis, dá pra ter lucro de até 100%!!! Caraca, é um lucro e tanto! O  valor mínimo de compra é de R$ 300,00 (Boleto ou Cartão), mas imagina faturar o dobro depois??? A compra  é segura e é garantida a pronta entrega.

A marca me enviou alguns modelos variados (até para o maridão e os filhotes), que eu mostrei na foto lá em cima, e uns pares que eu simplesmente estou APAIXONADA:

meias keny-meias baratas-meias no atacado-keny-meias-promoção-frete grátis meias keny-meias baratas-meias no atacado-keny-meias-promoção-frete grátis

Love, corações, cup cakes, unicórnios, arco-íris e muitas fofuras nas meias! Para quem – assim como eu – adora um pé quentinho; e também adora desfilar de meias por aí… Sim, eu sou dessas que sai até de chinelo e meia! rs Nada como um pé quentinho e hidratado. Porque as meias também são ótimas aliadas para aquecer o pezinho depois de aplicarmos um bom hidratante! #FicaAdica

Não deixem de conhecer o site – www.lojakeny.com.br –  e aproveitem para fazer suas comprinhas!

Super beijo,

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥