Browsing Category

Esportes

Beleza e Saúde, Corpo / Pele, Crianças / Filhos, Dicas, Diversos, Esportes

HÁBITOS DE ATLETAS

Eu tenho dois atletas aqui em casa. Quem me acompanha há algum tempo, já leu por aqui muitas vezes sobre o basquete dos filhotes. E deixa a mamãe orgulhosa aqui falar: hoje eles são atletas federados! E jogam muito mesmo! Mas o que eu quero dizer não é  [apenas] o quanto eles são bons na quadra! Quero ressaltar a importância da disciplina que o esporte ensina!

Hoje, o mais velho está com 15 anos, e o mais novo com 11. O basquete para eles é um compromisso: com eles, com o time, com seus treinadores. Acredito que todo esporte seja capaz de desenvolver essas características na infância e juventude: responsabilidade, competitividade, coletividade, dentre tantas outras.  E num clube, além do treinamento, há palestras com nutricionistas, dinâmicas com psicólogos, e todo um trabalho que ajuda meninos e meninas a perceberem o quanto os hábitos influenciarão no seu futuro.

Meus rapazinhos se preocupam com o sono, a musculatura, os ossos, e até com a alimentação agora. Sabem que podem comer de tudo, e que para cada coisa existe uma regra. Não tem dificuldade para seguir nenhuma delas. Dá um orgulho!

Eu e meu esposo sempre concordamos que eles tinham que fazer um esporte. Não importava qual. Claro que marido queria futebol (desejo de 10 entre 10 pais brasileiros! rsrsrs). Mas o esporte escolhido foi o basquete. E lá fomos nós, nos desdobrando para que eles conseguissem fazer o que escolheram. As escolinhas sempre foram mais limitadas, os uniformes idem (e bem mais caros também). Achar um tênis de basquete infantil (e num preço acessível) por aqui, é uma tarefa impossível! Então, a gente sempre correu muito atrás de tudo! Mas a gente queria que eles fizessem um esporte. E esse foi o escolhido deles! Então, a gente tinha que fazer a nossa parte também, né?

A vida de um atleta, independentemente da modalidade esportiva praticada, é bem agitada. Eles treinam diariamente, mesmo em época de provas. Tem que aprender a dividir o seu tempo entre os estudos e o esporte. E as notas são cobradas. E é preciso muita disciplina e, sobretudo, concentração para alcançar o pódio. Não é uma rotina fácil, e muitas vezes eles ficam exaustos, cansados de verdade! Mãezica faz massagens nas musculaturas, canta, afaga… e eles caem no sono! Merecido!

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em péA imagem pode conter: Marcelo André Chagas, em pé

No fundo, eles nos ajudam a melhorar nosso sedentarismo também, nos tornando mais saudáveis.  E eu contei um pouquinho mais da minha história sendo mãe de atleta, para compartilhar com vocês algumas dicas que recebi por e-mail, pois concordo que  alguns hábitos adotados por eles podem ser replicados no dia a dia de qualquer um de nós e que tendem a nos tornar ainda mais saudáveis.

A psicóloga Laís Yuri e a nutricionista Aritiane Silva, especialistas da equipe do Instituto Tênis, instituição sem fins lucrativos que apoia o desenvolvimento do tênis nacional, selecionaram algumas dicas de práticas seguidas por atletas da entidade que podem ser incorporadas à nossa vida, melhorando, assim, a qualidade da nossa saúde física e mental.

De acordo com a psicóloga, para quem busca a equação “mente sã, corpo são”, três hábitos são imprescindíveis. São eles:

1 – Crie metas factíveis e as persiga com determinação.

Elaborar e perseguir metas não são prerrogativas apenas do mundo esportivo. Mas, nesse ambiente, o atleta precisa traçar objetivos bem definidos desde muito cedo. Por exemplo, no Instituto Tênis, um tenista de oito anos de idade já sabe o que são metas, para o que servem, como planejá-las e entende que algumas delas são mais rápidas e fáceis de se alcançar do que outras. Quando metas são definidas e suas motivações são claras, o indivíduo passa a ter foco – ele compreende o que está fazendo e porque deve fazê-lo, o que reduz a ansiedade e o sentimento de frustração;

2 – Organize a sua rotina e tenha tempo para tudo.

Manter a rotina organizada é uma exigência para qualquer atleta. Para não se perder nas atividades e nos objetivos, é preciso de organização; é preciso saber quanto tempo se gasta com cada prática e o horário de cada uma delas. Por exemplo, qual o horário do estudo e por quanto tempo se deve estudar, qual o horário das refeições, dos treinos, de interagir com colegas etc. Assim como um atleta, organizar a rotina é essencial para que todos nós possamos cumprir uma agenda de responsabilidades diárias cada vez com mais eficiência e assertividade;

3 – Respire fundo. Ansiedade não ajuda em nada.

Tirar alguns minutos ao longo do dia, respirar fundo e prestar atenção em si mesmo, sem a preocupação com o que se precisa fazer ao longo do dia é muito importante. Sem isso, a rotina acaba consumindo o indivíduo, que fica cansado, estressado e frustrado e não consegue se apropriar dos seus desejos genuínos e do que realmente precisa para ser feliz.

Já do ponto de vista da nutrição, algumas mudanças também são muito bem-vindas, de acordo com a nutricionista Aritiane. São práticas simples, que podem fazer parte de qualquer cardápio. Vamos a elas:

  1. Diminua o consumo de alimentos processados e evite os ultraprocessados, devido o alto teor de gordura e sódio (comidas industrializadas e congeladas, peito de peru, sorvete etc);
  1. Evite preparações à base de frituras por imersão (frango frito, batata frita etc) e o consumo de produtos refinados (pães brancos, torradas, biscoitos e açúcar);
  1. Faça três refeições fixas ao dia – café da manhã, almoço e jantar – e insira um ou dois lanches intermediários;
  1. Dê preferência às fontes de carboidratos complexos integrais e de fibras (pães e massas integrais com grãos);
  1. Consuma de duas a três porções de frutas ao dia e legumes e verduras nas duas refeições principais – almoço e jantar;
  2. Ingira ao menos 2 litros de água por dia.

    Com tantas boas dicas, é possível, sim, apresentar um excelente rendimento na vida, assim como os atletas do Instituto Tênis estão, regularmente, registrando nas quadras do Brasil e do mundo. Assim como os meus atletas de basquete tem feito ao longo das suas vidinhas Pensem nisso! Beijos.

Comportamento, Crianças / Filhos, Diário da Si, Esportes

MEU BÊZINHO JOGADOR DE BASQUETE

Oi gente linda 🙂

Quem me acompanha lá no instagram (segue lá: @simone_aline) sabe que meu filhote mais novo, Marcelo André, detesta quando eu o chamo assim: de Bê. Recentemente, alguns amiguinhos da escola vieram fazer um trabalho aqui, e ouvi a mãe de um deles o chamando de Bê. Aí falei: “Tá vendo filho, a mãe do seu amigo também o chama de Bê, e ele nem liga. Atende sem cara feia e responde numa boa!” Aí ele me olhou, sorriu e disse: “Mãe, o nome dele é Bernardo!” kkkkkkkk

Ah, tá bom… e daí? Filhos são nossos eternos bebês, crianças, adolescentes no máximo. Porque mesmo quando se tornam adultos, continuam sendo os filhos!

Mas hoje vou falar do meu Bêzinho jogador de basquete. Que ele joga, não é novidade. Teve seu irmão mais velho como ídolo, e claro, acabou decidindo praticar o mesmo esporte!  Parece que foi ontem que jogou pela primeira vez no time do irmão, onde as tias o deixavam treinar e quicar a bola, de tanto que ele já gostava e queria também! Ele era o menorzinho, o xodó do pré-mirim. Vira e mexe dentro da quadra, ele abria os braços e fazia um “aviãozinho”, todo mundo ria. Era uma graça. E ele se sentia jogador também!

Amo ver essas fotos lá do início da “carreira”, ele pequenininho ao lado do irmão mais velho! Claro que meu Bê acabou aprendendo a jogar cedo, e desenvolvendo seu talento também pra coisa! E continua seguindo absolutamente todos os passos do irmão.

Daí que o irmão decidiu que queria fazer peneira esse ano. Peneira  no basquete é igual no futebol: uma “prova”, uma seleção que os times fazem para descobrir novos jogadores nas categorias de base (menores de 18 anos). E ali avaliam as características e habilidades de cada um.

O professor de basquete do time atual do meu Bê… ops, Cecelo – está na iminência de ir para o Vasco da Gama. E já disse que, se realmente for, levaria ele junto.  Mas Cecelo puxou a minha ansiedade. E a primeira peneira que abriu, ele quis logo tentar, para saber exatamente como funciona.

E ontem, lá foi ele para o Fluminense:

Ficou todo bobo porque passou na peneira e irá participar do time. Já até avisou ao treinador, que disse que era para ele ficar no Flu mesmo, porque vai que o Vasco não rola… O Fluminense tem uma escolinha maravilhosa para os times de base, vejo isso desde o pré-mirim.

Mais uma conquista do meu filhotinho mais novo! E a mamãezica está como? Muito feliz por ele também!

Crianças / Filhos, Diário da Si, Dicas, Diversos, Esportes, Eventos, Uncategorized, Viagens-Passeios-Turismo

#NBAhouseRio

Oi gente linda 🙂

Na última sexta-feira a #NBAHOUSERIO  abriu as portas para receber a galera! Mas, devido aos compromissos profissionais, só ontem que podemos curtir a casa!

Quem me acompanha sabe que eu tenho 2 atletas mirins em casa, e por causa deles, passe a acompanhar jogos de basquete e ficar por dentro de tudo desse mundo (ou quase, né? rs).

Ainda me lembro do sufoco para conseguir uma escolinha quando Dandan, aos 5 anos, disse que queria jogar basquete… no país do futebol!!! Foi difícil… mas eu achei! E desde então, ele não parou mais! Influenciou o irmão, que começou a praticar com apenas 4 anos, e era o “mascote” nos jogos do pré-mirim, tendo o irmão como “ídolo”.

Ambos já pediram “Festa de Basquete” nos seus aniversários, e são os meus medalhistas:

#NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016;

Resumindo: qualquer coisa sobre o basquete, sempre agrada esses dois: roupa, tênis, bonés, jogos, e etc. De onde vem essa paixão??? E a gente explica paixões? Enfim, e se eles gostam, eu também gosto. E posso dizer que me apaixonei junto: pelo estilo, pelos grandões, pelos tênis, pelos mascotes, por tudo! rsrsrs É tão gostoso ver a alegria deles, que eu vibro junto, claro!

E ontem foi um dia de vibrar com eles na #NBAHOUSERIO.

Partimos no final da manhã para o Boulevard Olímpico (e quem diria, aquela “zona” está linda!!!). Mas confesso: é um passeio não muito pensado para a família, com crianças e idosos. Cerveja você encontra a cada 100 metros. Água a cada quilômetro!!! Desgastante demais para quem não é jovem (e claro, que beba cerveja), achei bem mal pensado. Sem falar que as opções de comidas também são poucas! Então, fica a dica: leve de casa!!! Além do que, vai enfrentar longas filas, então, melhor sair de casa abastecido.

Demoramos quase 2 horas para entrar na casa, e lá dentro também não havia água. Filhotes estavam cansados, claro! Mas se divertiram muito, muito mesmo. Cada atração, cada jogo, com tudo!!!

#NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016; #NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016; #NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016; #NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016;

#NBAhouseRio;NBA;house rio;casa da nba;basketball;rio olímpico;boulevard olímpico;casa do basquete; rio2016;

Claro que eles não queriam sair, né? Mas a sede falou mais alto… Havia um bar lá dentro, mas somente para convidados! 🙁 Puxa, magoei!

Só não consegui ver o show de enterradas (que só conheço em vídeos) e não vi também nenhum mascote. Snif, snif. Mas ainda quero voltar para ver!!! ha ha ha

Mas é um passeio que super vale a pena para quem curte o basquete. A loja tem produtos com preços bacanas de camisa, bonês, canecas, e outros com o mesmo preço de shopping. Então, nem tudo é vantagem comprar lá dentro.

E super vale a pena curtir cada brincadeira da minha amada Samsung: com direito a brinde de braçadeira e faixa para cabelo, que lógico, filhotes quiseram pegar! rsrsrs

Só não curti não ter água para vender lá dentro, e o virtuacast (uma foto com alguns dos novos craques da NBA, holográficos, que no site para busca sempre dá não encontrada! fuen, fuen, fuen)

Mas, no todo, fiquei deslumbrada com a grandiosidade da casa! E filhotes amaram o passeio. Ou seja, a mamãezica amou também!

Quer curtir um pouquinho junto com a gente? Aperta o play:

Datas Comemorativas, Diário da Si, Entretenimento e Cultura, Esportes, Eventos, Notícia

ABERTURA DOS JOGOS OLÍMPICOS | SPOILER

Oi gente linda! 😀

Hoje teremos a Abertura dos Jogos Olímpicos, que vai acontecer no Maracanã, com horário de início previsto para às 19h15, com a realização de um show preliminar, e a cerimônia às 20h. As atrações já confirmadas são: Anitta, Paulinho da Viola, Caetano Veloso, Elza Soares, Ludmilla, Gilberto Gil, Diogo Nogueira, Karol Conka, Wilson das Neves, Zeca Pagodinho, Marcelo D2 e Wesley Safadão e ieu!!! kkkkkkk #sqn

No último domingo aconteceu o ensaio da cerimônia de abertura, e nesse sim, eu estava! ha ha ha

cerimônia de abertura dos jogos olímpicos-olimíadas 2016- rio de janeiro-errejota-maracanã-#Rio2016-blogueira s/a- simone aline-cerimônia de abertua-jogos

maracanã-cerimônia de abertura dos jogos olímpicos-olimíadas 2016- rio de janeiro-errejota-maracanã-#Rio2016-blogueira s/a- simone aline-cerimônia de abertua-jogos

Confesso que eu esperava mais… mais organização, mais brilho, mais sincronia… mais tudo! Só o povo brasileiro mesmo que estava animado (pra variar! rs). Diante de nossa situação política, do próprio Rio estar um caos, e etc, etc, etc, o povo se mostra ainda feliz, e isso faz valer tudo! AMO pessoas felizes, sem lamentações, sem alienações. Porque tudo na vida sempre vai ter um lado bom e outro não tanto assim… e a gente não pode paralisar por causa de apenas um lado.

Mas eu realmente espero que assistir pela TV, com narração de detalhes, pareça uma cerimônia mais bonita.

A festa em si foi linda, um espetáculo realmente! Mas vou contar um pouquinho das falhas. É claro que todo evento as tem, porque por mais que a gente planeje, na hora nem tudo sai como planejado, e os imprevistos tem que ser contornados. Mas tem coisas que são “evitáveis” e devem SIM ser contornadas de modo a não causar um impacto negativo. E são desses detalhes que eu vou falar.

Lógico que as filas estavam enooooooormes, e isso era de se esperar. Chegamos 16 e pouquinho, e claro que perdemos o início do show. Depois de uns 40 minutos na fila, e quase chegando ao nosso portão de entrada, E/F, alguns atletas quiseram entrar por ele. E daí os portões passaram a ser de exclusividade deles, e fechado ao público. Desordenadamente a nossa fila se juntou a fila dos portões C/D. E claro que nessa “zona”, muita gente ficou p.da vida, muita gente furou fila e muita gente criou caso. Não haviam do lado de fora funcionários ou voluntários contornando tal situação. Bem, mais tempo na fila… até que um casal estrangeiro tentou, lá no comecinho, passar a nossa frente. Peralá… dizem que brasileiros são mal educados. Mas veja bem, dava pra ver a fila dando voltas e voltas… e o casal tentou entrar na cara de pau! Pelo amor de Deus!

Aí, chegando já no portão, haviam aqueles detectores de metais, como nos aeroportos. De um lado ficava quem estava de bolsa, para ser passada na esteira do rx também,  e do outro quem estava sem bolsa (eu!). Eu estava segurando 2 casacos, um de cada filhote. Daí, o segurança pediu para que eu os colocasse em cima de uma mesa (sem rx, nada!!!), juntamente com meu celular, brincos e cordão. Passei pelo detector, e peguei na mesma mesa os meus pertences, sem que NINGUÉM olhasse os casacos, pedissem para abrir ou que passassem pelo equipamento, o que permitiria que eu entrasse com uma faca, uma arma, uma bomba até… enrolada no casaco, e ninguém teria visto! 🙁

Enfim, depois de quase 2 horas na fila, conseguimos entrar. Achei a espera bem longa e desorganizada.

Antes de entrarmos na arquibancada, alguém sugeriu colocar pulseiras nos filhotes, o que achei extremamente válido. Mas só havia um voluntário para isso, que nem mesa tinha para apoiar. Ou seja, ele anotava nas pulseiras os nomes das crianças, apoiando em sua própria mão para escrever!!! Uns 10 minutos para cada criança, né? Aff….

Uma outra “falha” é só aceitar a bandeira VISA. Peralá, mesmo sendo um patrocinador oficial, um evento para milhões de pessoas DEVE ter máquinas que aceitem débito de qualquer bandeira. Muito desagradável isso!

Lá dentro o espetáculo estava bonito. Acredito que as roupas sejam bem diferentes hoje, porque essas do ensaio eram bem feiosas. E o povo dançando, creio também que tenham ensaiado bastante, porque em alguns momentos estavam apenas pulando, desordenadamente, fazendo gracinhas…  Uma ou outra parte que havia uma coreografia e tal.  Acho que na TV vai dar pra ver melhor os detalhes. E ao vivo ou pela tv, tendo uma narração mais detalhada, também acho que dará para entender alguns detalhes, que pareciam meio que “sem noção”. Alguns momentos a gente se perguntava: mas isso foi pra quê mesmo???

Como por exemplo no momento em que a moça vem andando, e a música Garota de Ipanema começa a tocar. Aí, quando ela chega lá no final, vem um garoto, pega alguma coisa, e a polícia tenta pegar ele… que consegue desviar e ainda sai abraçado com a moça!!! Oi???? Sinceramente, acredito que o enredo não seja esse, claro, mas que foi isso que pareceu, foi. Ao menos foi o que a representação sugeriu a distância. Juro que tô doida pra entender essa parte!

Mas o pior mesmo, foi a bicicleta do Brasil não entrar!!! kkkkkk Aff… T-O-D-A-S as bikes entraram numa boa, com o nome de cada país participante. Abrindo com a Grécia, claro. E seguindo em ordem alfabética, até encerrar com o Brasil, que foi a única que “quebrou” (ou que a menina quis “protestar” bem na hora e não entrar!!!).

Seja lá o que for, a bike do Brasil não entrou, mas a festa continuou, lindamente. As escolas de samba arrasaram, pra variar. Sinceramente, Dudu deveria ter contratado o Paulo Barros pra fazer essa joça. Teria ficado muito mais bonito, com certeza!!!

No todo, foi um grande espetáculo, com muitas falhas, é verdade. Porém emocionante de verdade! Aperta o play pra ter ideia do que vai rolar hoje a noite na Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos:

Bjks!

Beleza e Saúde, Corpo / Pele, Diário da Si, Esportes, Fitness

MINHA SEMANA NA ESPAÇO FITNESS

#OiGente 🙂

Semana passada eu me matriculei na academia, fiz minha avaliação, e contei aqui pra vocês, claro! Eu estou mega empolgada, e confesso que estou super a vontade na academia, porque embora com vidros e espelhos por toda a parte, ela é tão grande, que não dá tempo de ficar reparando que tá todo mundo sarado enquanto a gente está acima do peso!!! ha ha ha

né

Essa semana eu só não fui na quarta-feira, porque filhote mais novo não teve aula, e porque a tarde tinha aula de ballet! 🙂 Em compensação, aumentei o tempo na esteira e comecei as aulas coletivas recomendadas na avaliação.

A primeira delas foi ontem, com o professor Rafael: Body Combat. E eu me senti uma heroína depois dela!!! A combinação de movimentos com lutas é simples e fácil de acompanhar… mas bem intensa. E eu estava morta ao final da aula! rsrsrsrs Aliás, no final tem  uns exercícios respiratórios, pra circular e renovar as energias! Adorei, quase um relaxamento! Depois de uma aula intensa “socando, batendo e chutando”… ha ha ha

Hoje tive minha primeira aula de Sh’Bam, e que delícia!!!

As coreografias são simples de acompanhar, e o mix de músicas deixa a aula ainda mais animada, com direito a biquinho e beijinho no ombro! rsrsrs Sem falar nas luzes igual de discoteca!

A gente trabalha tudo no corpo, de uma forma que nem sente! (tá… sente sim… rsrsrs Fiquei morta com farofa em alguns passos!!! kkkkkk). Mas é tão prazerosa que dá vontade de continuar dançando! 😉 Todo sábado estarei lá, às 11h com Professora Fernanda.  Pra quem está no Méier, vem junto:

Gostaram?

Bjks!

Beleza e Saúde, Corpo / Pele, Diário da Si, Dicas, Diversos, Esportes

♥ REINICIANDO A CAMINHADA COM CUPOM DE DESCONTO ♥

#OiGente 🙂

Verão chegando e bate aquele remorso de ter enfiado o pé na jaca todo final de semana. Hora de correr atrás do prejuízo, pra não fazer tão feio com biquíni na praia!

Então, decidi que vou mais uma vez correr atrás do prejuízo (antes tarde do que nunca, né não?) E bora reiniciar o #projetoverão que ficou lá no inverno… ha ha ha

Fui dar uma olhada nos tênis, porque esse é o primeiro passo pra recomeçar. E daí conheci a Cupons Mágicos, uma empresa que oferece cupons de desconto, brindes ou frete grátis em diversas lojas on-line parceiras, e uma delas é a Netshoes.

Fui lá conferir e montei uma listinha básica para recomeçar, além dos tênis, com saia, top e camiseta:

netshoes

Além dos preços já arrasadores da loja, ainda poder economizar mais com o Cupom Netshoes da Cupons Mágicos, é bom demais, né? Para usar os cupons é super simples: só escolher que tipo de desconto quer (são vários!!!), copiar o código e ir até a loja para comprar!

Se faltava essa forcinha pra você retomar seu #projetoverão também, fica a dica: aproveite!!! 😉

Bjks!

* Post em Parceria com a Cupons Mágicos

Comportamento, Diário da Si, Diversos, Esportes, Polêmicos

♥ O BRASIL E O BRASILEIRO! ♥

Juro que há cerca de dois meses atrás eu tive medo. Medo de não ter realmente a Copa, justamente quando seria aqui, no meu país!!! Se eu gosto de futebol? Não ligo, não mesmo…

Quem me conhece sabe que em dias de jogos do meu próprio time, prefiro ficar na cozinha. Numa boa e feliz da vida faço os belisquetes para os amigos do maridão. E confesso que adoro a forma como eles vibram: feito crianças! Xingam a mãe do juiz, os jogadores, brigam, se abraçam para comemorar… Mas eu não me empolgo nem um pouquinho.

Mas na Copa do Mundo????

Ah, eu me importo!!! Faço os belisquetes antes… deixo tudo pronto. Na hora que o Brasil entra em campo, eu estou na frente da tv, ansiosa pelo jogo! Canto o hino orgulhosa, e a cada 4 anos, sou eu que me sinto um “menino”: vibro, xingo, grito… enfim, torço! Torço muito!

Se eu entendo de futebol? Porra nenhuma… mas dou pitaco, grito instruções para o técnico, xingo a mãe do juiz, o adversário… E num gol, me sinto uma criança!!!

PQP!!! GOOOOOOOOOOOOOLLLLL!!!

Desde pequena sou assim. Espero 4 anos para torcer pelo meu Brasil numa Copa.

E enfim, a Copa do Mundo começou… exatamente aqui no nosso país!

 Onde há alguns meses atrás se via a hashtag #nãovaitercopa estampada em todas as redes sociais.  O povo estava desanimado mesmo… desacreditado, desiludido. Cansado de ser passado pra trás e não tomar uma atitude. Cansado de dar dinheiro para os políticos, de ser roubado na cara dura, de não ter nenhum direito… Mas aí a gente lembrou que era o País do Futebol!

Sim, gostaríamos de ser também o país do bom atendimento em hospitais, do serviço público de qualidade, do transporte maravilhoso, da segurança máxima… ah, vai… mas já que não somos merda nenhuma, que sejamos ao menos o número 1 em alguma coisa. Que façamos uma criança sorrir e sonhar um dia crescer e jogar futebol pelo mundo afora. Se é só isso que podemos, que façamos bem então!!!

E de repente, eis o povo orgulhoso de novo! Dá um orgulho de ver o povo com orgulho também de vestir a camisa, sabia? Dá sim!!!

Em época em que todo mundo veste “orgulhoso” as bandeiras da Inglaterra e dos USA em roupas, capas de celulares, acessórios… Porra, azul e vermelho é bacana, mas é tão básico!!! Gosto de cores que vibram! Gosto do nosso verde e amarelo. Gosto do nosso azul com estrelas. Gosto de tudo junto e misturado.

E é assim na Copa! As pessoas se tornam orgulhosas de serem Brasileiras, mesmo ainda sabendo que o Brasil tem tantos problemas (vergonhosos até!).

Mas hoje foi vergonhoso perder… não por perder, apenas!

Por perder em casa, por perder sem Neymar, por perder para a Alemanha… mas mais ainda… por perder de 7 x 1, e com uma sequência de gols em  poucos minutos de jogo… Foi desnorteador, humilhante e ainda assim… deu orgulho. Não de ver essa derrota. Mas de não vê-los correr de vergonha. Porque eu teria saído correndo no meio do campo, aos prantos, tamanha a vergonha! E ali estavam, e permaneceram (embora vaiados e diminuídos), tentando… apenas! Mais emocionante ainda foi ver no final a emoção de cada um… o choro igual de uma criança, sentindo o peso da derrota nos ombros. E ter que encarar um país inteiro!!! Tem que ser muito homem para isso, sinceramente! E eles foram… e foram embora!

Vamos lutar por um terceiro lugar. E que ele venha com orgulho, como foi até agora!

E que o brasileiro não perca a pouca educação que tem, e saia por aí fazendo arruaça, quebrando patrimônio público, destruindo o quase nada que lhe resta! 🙁

E que não vire moda queimar a bandeira… porque isso sim dá vergonha!

Povo de merda, que só tem orgulho se tiver tudo bem…

Eu prefiro continuar com a hashtag #OrgulhoDeSerBrasileira

Sim, eu tenho!

Muito orgulho e muito amor!

Bjks!

Simone Aline, Blogueira S.A., fashionblogger, beautyblogger, consultório virtual