Browsing Category

Notícia

9º Encontro Blogueira S.A., Eventos, Negócios, Notícia

LEADS CARE: PATROCINADORA DO #EBSA9

Nosso mega encontrão está com os preparativos a todo vapor por aqui!!! Caraca, eu estou tão empolgada, mas tão empolgada… radiante mesmo!

Cada vez que vou ao novo Centro de Convenções e vejo aquele espaço lindo, aquele foyer chique, o auditório, tudo… Eu já imagino mil coisas mirabolantes para fazer…  Ah se eu pudesse, e o dinheiro desse… rsrsrs 

Mas estamos preparando tudo com carinho, e queremos que a experiência de vocês seja realmente incrível! O tema #Inspire não foi à toa!

E por falar nesse tema… deixa eu falar pra você de uma marca que muito inspira, desde que eu a conheci:

Me apaixonei de cara! Primeiro por ser uma marca que sempre teve confiança no nosso trabalho como blogueiras e segundo pelo desempenho da marca em se aproximar da maneira correta, sempre! Porque parceria é aquilo que é bacana para os dois lados, e nem sempre as marcas compreendem muito bem isso (bem como algumas blogueiras também).  

Eu conheci a marca em 2014, quando o próprio Ramon Quenedi, queridíssimo entre as blogueiras, entrou em contato comigo, logo após o #EBSA4, já querendo saber quando seria o 5º! \o/ E de lá pra cá, a Leads Care tem sido uma grande parceira aqui no blog e dos eventos. Fizemos encontrinho na Beauty Fair de 2014, na Hair Beauty 2014… Eles participaram da festa de #5anosBlogueiraSA. E no nosso #EBSA5 foram, sem dúvida, uma das marcas que mais se destacaram! O evento foi um mega sucesso!!! E ao final daquele dia mesmo, Ramon, assim como eu,  já estava empolgado com o próximo! E avisou: quero um espaço mega ano que vem!!! Da mesma forma que eu e muitas outras blogueiras tínhamos nos apaixonado pela marca, a marca demonstrava cada dia mais, a paixão que tem por nós! E isso é maravilhoso de se ver! \o/ 

A Leads Care foi Patrocinadora Oficial do nosso #EBSA6. E agora retorna ao nosso #EBSA9 Eu já estava com saudade, e vocês?

Doida pra chegar sábado!

Super beijo,

Ação Social / Utilidade Pública, Comportamento, Diário da Si, Notícia, Polêmicos, Reclamações

A CHUVA NO RIO DE JANEIRO

O Rio de Janeiro continua lindo… ah sim, continua! Paisagens naturais aqui na minha cidade são realmente deslumbrantes. E eu não estou falando apenas de praias não… porque essas, sinceramente, nem são as mais belas do país. Mas temos cada canto lindo na nossa cidade. Temos a maior floresta urbana do MUNDO!!! E ela é um show mesmo! Pena que aqui no Rio, tudo é esculhambado, tudo é maltratado, tudo é abandonado… E quando eu digo tudo, eu culpo todos! Incluindo você, e eu!

Muito triste com tudo o que tem acontecido nessas chuvas intensas dessa semana. Mas o que me deixa triste mesmo, é que as pessoas sempre tentam encontrar um culpado: o prefeito, o governo, o morador, o lixeiro… E concordo que todos temos culpa, de alguma forma. Mais triste ainda porque isso acontece há anos, mas nunca tinha tido essa proporção em locais de “gente com grana”. Quando era apenas no subúrbio ou na baixada, pouco importava as árvores caídas, os carros ou casas velhas destruídas… “Pobre” nunca tem nada pra perder tudo, né? Já diziam as piadas!

Seria engraçado mesmo, se não fosse trágico. Mas a verdade é que só tem se noticiado tanto as desgraças dos últimos temporais, porque a zona sul está sendo afetada. E não apenas nos morros, mas nas ruas de quem paga IPTU caro, de quem perde as coisas e pode comprar tudo novo e à vista, mas também tem medo de perder é a vida! Nessas horas as pessoas lembram que o mais importante é valorizar isso!

Quando uma desgraça acontecer, não procure culpados. AJUDE como puder! Simples assim! Não importa quem fez o que, faça você a sua parte! Foi longe de você, mas você pode ajudar de alguma forma? Faça! Não espere que aconteça na sua casa, na sua rua, na sua família…

O problema maior aqui do Rio é que o carioca não se importa com o todo. Enquanto acontecia somente onde tinha o “pobre” (e isso já acontece há décadas!!!), a notícia era deixada pra lá. O problema é que as favelas dominaram toda a zona sul, e morando em lugares de rico (e risco), eles não querem sair. Quem mora no Vidigal não quer ir pra Caxias. Quem mora na Rocinha, não aceita ir pra Nova Iguaçu.

O poder público não deveriam não ter deixado a comunidade crescer, porque agora, é difícil extinguir. E não, não estou dizendo que eles são culpados. Mas também o são! A produção de lixo nas favelas é absurdo. A não preocupação com o lixo nas nossas casas é absurdo! O destino do lixo na própria Comlurb é absurdo. Um absurdo atrás do outro, e a gente só lembra disso quando a desgraça acontece!

A chuva simplesmente veio. Depois de dias de um calor absurdo, a natureza fez a parte dela para nos salvar. E o que nós continuamos a fazer por ela??? N-A-D-A! A gente não faz nada. A gente não se preocupa com o lixo orgânico que poderia usar de adubo. A gente não tem tempo de separar o lixo em categorias. A gente não sabe onde levar o lixo eletrônico, o lixo químico, enfim… a gente só sabe produzir, e produzir cada vez mais!

É tão assustador a quantidade de lixo que transborda nas enchentes, que não demora muito para vir na mente o fim do mundo como um grande lixão. Será que só assim iremos nos preocupar com isso? Será que só assim iremos tentar soluções para mudar esse cenário?  Porque a gente espera as desgraças para agir?

Eu mesma estou aqui escrevendo, e pensando: “Meu Deus, e o que eu posso fazer?” Enquanto isso, minha lata de lixo está enchendo, como todos os dias. Eu separo latas e garrafas, a coleta aqui na rua é em dias separados do lixo comum. Mas a Comlurb é aqui na esquina, e quando chega lá, vai tudo pro mesmo lugar. Dá pra acreditar? Sou feita de palhaça pra quê? Pra ficar com a consciência limpa apenas, achando que fiz a MINHA PARTE?

Acho que enquanto a gente não pensar e agir junto, e continuar apenas cobrando dos outros, vai continuar acontecendo essas desgraças. Por onde podemos começar? Fica a dúvida.

Crianças / Filhos, Diário da Si, Entretenimento e Cultura, Eventos, Famosos, Festas, Notícia

FESTA DE 10 MILHÕES NO YOUTUBE

Na última sexta-feira eu participei de uma festa que teve no Youtube Space aqui do Rio, em comemoração oas 10 milhões de inscritos no canal da Turma da Mônica. E aproveitando o evento, houve vários spoilers do filme “Laços”, que estreia em Junho nos cinemas.

O evento foi encantador, e toda a turminha estava presente: na versão bonecos e claro, humanos! ha ha ha No mundo de Maurício de Sousa, é difícil separar real de fantasia, né não? Mas vocês me entenderam. Fui acompanhada pelo meu Bêzinho, filhote mais novo, que adorou tudo lá! Conhecer Maurício e a Mônica de verdade, não tem preço! E ele super curtiu. Desde que ele fez seu primeiro curso de desenho, ele curte muito quadrinhos. Aliás, por causa deles quis fazer o curdo.

Fomos recebidos com pipoca logo na entrada, e em seguida, houve a abertura do evento. Além da presença do Maurício e da Mônica, da turminha (bonecos e atores mirins), o diretor e Rodrigo Santoro também participaram de uma bate-papo com todo mundo. Vimos vários spoilers, e os atores se emocionaram várias vezes. Até eu me emocionei… rsrsrsrs Ohwn, essa turminha faz parte da minha infância!

Depois do bate-papo, da entrega da placa de diamante do youtube, e de assistirmos alguns vídeos, chegou a vez das fotos e da curtição. Não faltavam opções: doces, lancinhos, refri, sucos, batata-frita, algodão doce… enfim, tudo que uma criança (e uma véia criança) gostam! rsrsrsrs A gente se divertiu muito!

De repente, uma menina veio correndo na direção de uma outra, que estava ao meu lado,  e ela estava com aquele olho arregalado, gritando: “O gato galático está aqui, ele está aqui!!!” Se eu sei quem é? Claro que não, mas pela empolgação da menina, fui perguntar pro meu filhote: “Você conhece o gato galático?” E ele disse: “Claro mãe, quem não conhece ele?” Me sinto um E.T., mas passa! rsrsrsrs E aí ele quis também encontrar o tal gato. E quando viu o rapaz, lá foi ele tirar foto:

Ficou todo feliz! O rapaz é mega simpático, e aí eu descobri que o tal “Gato galáctico” (assim que se escreve) tem vários vídeos desenhando no canal… e lembram que Bêzinho fez curso? Pois é, mas agora acho que filhote também se inspirou no cabelo do rapaz pra mudar seu próprio visual:

Nos divertimos demais! A festinha só acabou a noite. E Marcelo adorou absolutamente tudo! Eu também, porque particularmente, adooooooro uma festa infantil e temática! Vou amar até ficar velha! Ops… mais velha!!! rs

Tem mais fotos desse dia lá na fan page. Clique AQUI pra ver!

Super beijo!

Comportamento, Diversos, Negócios, Notícia, Polêmicos

QUAL A DIFICULDADE DAS EMPRESAS NAS REDES SOCIAIS?

Puxa a cadeira, pega um café, que o texto vai ser longo…

Estamos no final de 2018, e parece que a maioria das pessoas ainda não entendem muito bem como “trabalhar” nas redes sociais. Sim, trabalhar!

Há poucos meses tivemos uma “revolução” aqui na internet brasileira, devido a política. Independente do seu voto, #EleSim #EleNão, as redes sociais mostraram o seu poder. Mas ainda assim, algumas marcas ainda não entenderam como as coisas funcionam.

Pra começar, vamos pensar: “Para que serve uma rede social?” Para fazer amizades, para que os amigos possam ver nossas conquistas, alegrias, e também acompanhar momentos de tristeza. Momentos e acontecimentos que, na distância (e sem as redes), muitas vezes não seriam compartilhados, e alguns amigos nem teriam como saber!  A gente pode manter a amizade “próxima” mesmo quando esses amigos vão para outro bairro, outra cidade, outro país!!!  Trocar de escola, de curso, de faculdade? Não é mais problema há tanto tempo! Casou, se mudou, teve filhos? Ah… que delícia! Porque mesmo distantes fisicamente, a gente pode acompanhar através das redes sociais, o barrigão da amiga crescer, o parto, o aniversário dos filhos… Isso é tão indescritivelmente maravilhoso!

E o melhor, é que a gente não apenas acompanha isso, mas também interage: deixa um recadinho, uma figurinha, uma mensagem. Quando liga, pode não apenas ouvir a voz, mas conversar “cara a cara”. E novamente eu digo: isso é tão indescritivelmente maravilhoso! Quem tem parentes longe, podem continuar se vendo mesmo estando a quilômetros de distância. Meu Deus!

Mas como eu disse no início do texto, para que tudo isso aconteça, tem muita gente trabalhando por trás! E claro, com as redes sociais cada vez crescendo mais, as empresas também quiseram “fazer amigos”, estreitando os laços com seus clientes. E a grande maioria –  pasmem, em 2018 – ainda não sabem trabalhar com elas!

Claro que não é errado sua empresa entrar na internet. E óbvio, ELA DEVE! Seja que negócio for, que tamanho for, enquanto uma marca não estiver na internet, ela terá um público limitado. Muitos donos de empresas resistem para entrar nas redes sociais, justamente porque não sabem mexer nelas. É preciso tempo, paciência e bom senso. E cabe à empresa, contratar alguém que tenha essas aptidões para trabalhar com isso. Lidar com pessoas de vários pensamentos e diferentes temperamentos não é fácil na vida real. Por que seria na virtual? E por experiência própria, nem sempre é fácil ler desaforos, e não responder. O fato de estarem atrás de um computador, com a falsa sensação de segurança, torna as pessoas corajosas, cuspindo fogo, se achando donas da razão absoluta. E ainda tem aqueles piores ainda: que xingam, ameaçam, “roncam grosso”…  rsrsrs Não é fácil, mas é rir pra não chorar, literalmente!

Quem trabalha com redes sociais passa por isso o tempo todo. E o segredo, qual é então? Contar até três (aproveitando que a pessoa não está nos vendo também), respirar fundo, soltar palavrões sem digitar. E calmamente responder, ponderando as palavras, e tentando assim, acalmar ou sensibilizar quem está lendo. É dessa forma, com carinho, que a gente toca no coração das pessoas. E faz elas lembrarem que, mesmo quando não as conhecemos de verdade e não estamos ao seu lado, somos “amigos”, e como tal, devemos nos respeitar e nos entender, com educação e sensibilidade de ambos os lados.

Que não é brigando que se entende, as marcas sabem muito bem. Qualquer estabelecimento usa a frase de que o “cliente sempre tem razão!”  Se sabem disso, porque não agem assim também nas redes sociais? Qual a dificuldade que elas ainda enfrentam nessa hora? A falta de “humanidade” nas redes. Quando o cliente está ao vivo, gritando, apontando um erro, ele quer falar com o gerente, o supervisor, o dono!!! PORRA, ele quer falar com alguém que vai tentar amenizar a situação.  Se essa pessoa for grosseira, não der razão ao cliente ou não mostrar empenho em tentar resolver, ele NUNCA vai conseguir manter sua empresa. Ou terá que contratar alguém para fazê-lo. UMA OUTRA PESSOA. Não vai adiantar o cliente pedir pra chamar o responsável, e o funcionário mostrar uma máquina pedindo desculpas. O cliente quer ALGUÉM, entendem? Ele quer ser ouvido e quer ser entendido.

E nas redes sociais, quem está, tem que ser ativo, tem que ser alguém!!! E é aí que as empresas erram. Porque das duas, uma:

1) A empresa não quer (ou não pode) investir no virtual, mas fazem seu perfil numa rede social porque ouviram falar que é essencial hoje em dia estar na internet! O dono ou um funcionário de qualquer área da empresa, entra numa rede social, e pronto! Coloca ali as informações, avisa das promoções, disponibiliza o telefone, e por aí vai…  De vez em quando acessa pra colocar uma novidade, e sai, acreditando que tá “bombando”!

2) A empresa quer e pode investir, e já sabe que TEM que estar na internet também! Contratam uma assessoria de imprensa, uma agência de publicidade, e acham que pagando por bons serviços, estarão fazendo um ótimo trabalho! Artes perfeitas, textos bem escritos, frequência diária, respostas automáticas… parece que estão “bombando” também!

Mas sabe qual é o problema de ambas as empresas? É que estar “bombando” pode ser muito legal quando a gente pensa em curtidas, em comentários, em números! Mas quando uma “bomba” realmente estoura, ambas também não sabem lidar com a situação. E por quê? Porque simplesmente não tem quem o faça. Porque simplesmente falta ali a “humanidade” da empresa.  Falta o funcionário bem treinado, alguém que responda para cada um, com carinho, com carinhas, com gracinhas… falta a amizade, a empatia, o cuidado… falta a demonstração de que CADA UM é importante, é amigo, é especial para a empresa!

Pessoas gostam de sentir especiais. Pessoas gostam de abraços, afagos e afeto. E como uma empresa pode fazer isso a distância? Respondendo “à mão” ao invés de mandar mensagens automáticas pra todo mundo. Não dá pra fazer com todo mundo, não tem problema. Demonstre carinho com um ou outro por dia! Note o que as pessoas estão falando da sua empresa, agradeça, compreenda, retribua! E quando errar??? Peça desculpas, repare o erro, reverta a raiva em enternecimento. É através do coração que a gente ganha o cliente! Uma marca nunca pode esquecer disso!

O olhar deseja (capriche nas fotos e no seu produto ao vivo), o valor vende (quem resiste à uma promoção?), mas o coração… ah, o coração!!! É através dele que o cliente se fideliza.  E é cativando ele, que você faz o cliente voltar, seja na sua rede social ou na sua loja física! Agrados, cuidado, carinho de verdade… fazem toda a diferença!

Se não houver a intenção de interagir de verdade com os amigos (nesse caso, clientes), porque raios uma empresa entra numa rede social? Porque ouviram dizer que estar na rede social  é importante? Sim, é importante! Mas tem que ESTAR de verdade. As redes sociais são para isso: SOCIALIZAR!!!

Trabalhar com as redes sociais não é complicado, não é difícil… mas sim, é trabalhoso! Porque requer “cuidado”! O que se escreve na internet, não se apaga, mesmo depois de ser deletado.  Milhares de pessoas veem ao mesmo tempo, e quando se tenta passar a borracha, alguém já copiou… Isso sem falar que,  muitas pessoas interpretam a mesma coisa de formas diferentes. O que pode gerar mais problemas. E aí, meu amigo, vira uma bola de neve. E a empresa que não responder, vai ter dor de cabeça, de verdade!

Aí eu chego no acontecimento do Carrefour. Mercado grande, presente em vários países, atuando nas redes sociais há anos, e ainda assim… tão distante de seus clientes! Com certeza contrataram grandes empresas de assessoria e comunicação para administrar suas redes sociais. E o que eles fizeram de errado então? Esqueceram de ter um funcionário para estar ali, presente nas redes. Aquele que vai responder de forma DIRETA E PESSOAL quando alguém GRITAR (porque a gente também GRITA nas redes sociais!!!) que quer falar com o gerente, o supervisor, o dono, ora bolas!!!  As agências contratadas fizeram seu habitual trabalho como sempre: artes lindas, sites bem estruturados, navegação excelente, promoções, categorias separadas, venda online, logística de entrega, enfim,  tudo pra facilitar. E pra socializar? Não é que tenham esquecido, mas isso só quem faz é gente, é um funcionário que conhece a empresa, a rotina, os funcionários, o dono…  Não existe algoritmo, cálculos ou códigos que façam o papel de uma pessoa. Consequentemente, NUNCA conseguirão responder pela sua marca como SENDO a sua marca. Haverá apenas aquela resposta automática, aquela gravação pronta, aquela frieza maquinal… e dessa forma, o cliente se revolta, fica mais indignado. E é nesse momento que ele quer “destruir” a imagem da sua empresa, porque de alguma forma, ele quer fazer você também se sentir como ele: insignificante! 🙁

E aí, eu pergunto: Não é o seu cliente o mais importante pra sua empresa? Então porque raios VOCÊ EMPRESA não se manifesta como um “amigo” na rede social e assume o seu erro? Por que é tão difícil ouvir o seu cliente ali? Por que é tão difícil entender que um funcionário para a internet é tão importante quanto um que esteja fisicamente no estabelecimento? Quando alguém na internet pedir pra falar com o gerente, o surpervisor, o dono… ele quer que essa pessoa venha falar com ele na rede social. E é esse funcionário que precisa fazer esse papel por você! Pedir desculpas, de verdade. Mas não com mensagens automáticas, isso só piora. Só faz o seu cliente se sentir mais insignificante pra você! Ninguém quer falar com uma máquina!

A gente não pode desfazer algo que já tenha sido feito, mas pode tentar amenizar a sensação dolorosa e o vazio criado pela “marca”, mostrando de forma REAL ao cliente, que a empresa está tão chateada como ele!

Um mercado tão grande, de um dia para o outro, teria condições de colocar um cão de algum abrigo em cada mercado do Brasil, ao lado de um segurança na entrada da loja, sendo funcionário também: com direito a crachá com foto, hora de almoço, casinha no estacionamento e algumas regalias. E claro, as devidas explicações na entrada da loja também, dizendo que o mercado não apenas REPUDIA o ato cruel do segurança de Osasco, e que vai colaborar para que os envolvidos sejam punidos, mas que quer fazer algo para ajudar os animaizinhos que ainda sofrem por aí. Que aquele novo cão ali na entrada da loja não irá nunca “substituir” o outro, mas será uma forma de lembrar à todos que o mercado NÂO COMPACTUA com o acontecido. Reverter a venda das rações no mercado para uma ONG, e dizer que espera assim, ajudar a tantos outros animaizinhos que sofrem ainda pelo abandono e maus tratos!

Se mostrar sensibilizado com o fato, como todo mundo, porque é isso que o cliente espera. Que por trás de uma grande marca, exista também um grande ser humano!

#DICA – Sigam o bom exemplo do Posto Ipiranga:

Ação Social / Utilidade Pública, Crianças / Filhos, Diversos, Notícia

90 ANOS DO MICKEY

 

Oi gente linda 🙂

No dia 06 desse mês eu recebi esse release, e desde então estou pra publicar e nada… Quem tem acompanhado um pouquinho lá no instagram (se você não segue: @simone_aline), já sabe que tenho andado mega enrolada.

The Walt Disney Company anunciou o lançamento da campanha Share Your Ears, que beneficia a instituição Make-a-Wish. O lançamento ocorreu durante a exibição do especial “Mickey’s 90th Spectacular” na rede de TV norte-americana ABC. Durante a programação a apresentadora Robin Roberts, uma das âncoras do Good Morning America, falou sobre a importância de realizar desejos. A apresentação teve performances de estrelas musicais e tributos comoventes em comemoração aos 90 anos da primeira aparição de Mickey Mouse.

E essa campanha irá doar até U$ 2 milhões para que a Make-A-Wish realize os desejos de crianças com doenças graves! Nada tão gostoso quanto ver sonhos sendo realizados, né?

Pelo terceiro ano consecutivo, a Disney apoiará a Make-A-Wish, ajudando a conseguir doações por meio do convite para que seus fãs “compartilhem suas orelhas” nas redes sociais. E essa campanha vai até amanhã!!!

A Disney vai doar US$ 5 para a Make-A-Wish para cada foto postada que mostre as orelhas do Mickey ou – qualquer outra orelha criativa – no Facebook, Instagram ou no Twitter com a #ShareYourEars. As doações podem atingir o teto de US$ 2 milhões. \o/

“A Make-A-Wish faz um trabalho tão essencial que eu estou muito empolgada em poder fazer parte desta iniciativa e ajudar sonhos de mais crianças a se tornarem realidade”, disse Roberts (a apresentadora) e euzinha, Simone Aline, repito! Porque ajudar nunca sai de moda! E como sempre digo: “O amor é a única coisa que cresce, a medida que se reparte!”

Ao longo da parceria com a Make-A-Wish, que já dura 40 anos, a Disney já ajudou a realizar mais de 130 mil desejos, metade deles nos Estados Unidos. Desde 1980, quando a Disney fez parte do primeiro desejo oficial, a companhia tem colaborado com a Make-A-Wish para fazer com que essas experiências não somente proporcionem um momento especial para uma criança, mas contribuam para que crianças e suas famílias troquem o medo pela confiança, a tristeza pela alegria, a ansiedade pela esperança. Atualmente, mais de 10 mil desejos são realizados pela Disney todos os anos e esse número só tende a crescer.”Estamos empolgados em juntar as forças mais uma vez com a The Walt Disney Company para a campanha Share Your Ears para fazer, de um jeito bem família e bem divertido, uma real diferença na vida de crianças com doenças graves”, disse Holly Thomas, vice-presidente de alianças corporativas da Make-A-Wish America.Jon Stettner, presidente e CEO da Make-A-Wish International e completou: “Somos muito gratos à Disney e a todos os seus fãs em todo o mundo pelo apoio. A generosidade contínua da Disney fortalece globalmente nossa organização e nos permite realizar desejos que podem mudar vidas em mais de 50 países. Estamos muito felizes por estarmos no terceiro ano desta campanha incrível”.

Visite www.ShareYourEars.org para outras informações.

A Make-A-Wish® realiza desejos a crianças com doenças graves. Nós buscamos dar luz e realizar cada desejo possível de uma criança pois acreditamos que os desejos são parte integral da sua jornada de tratamento. Pesquisas demonstram que crianças que tiveram seus desejos atendidos conseguiram se fortalecer física e emocionalmente para litar contra suas doenças. Sediada em Phoenix, Arizona, Make-A-Wish é a maior e mais importante organização de desejos a nível mundial, que atende crianças de mais de 50 países. Com a colaboração de generosos doadores e mais de 40 mil voluntários em todo o mundo, a Make-A-Wish realiza um desejo em algum lugar do planeta a cada 17 minutos aproximadamente. Desde 1980, a entidade tem realizado mais de 450 mil desejos a nível internacional, mais de 30 mil só no último ano. Para mais informações sobre a Make-A-Wish America, acesse www-wish.org e, para mais informações sobre a Make-A-Wish International, acesse worldwish.org.

Faça também sua foto. A minha já está lá no insta, no twitter e no face! 😉

Super beijo!

9º Encontro Blogueira S.A., Diário da Si, Diversos, Eventos, Notícia

VAMOS CONVERSAR SOBRE NOSSO #EBSA9

Sabe quando a gente precisa de que um dia tenha mais de 24 horas? Era o que eu queria. E eu achando que esse mês seria mais tranquilo.

Em pensar que quando falei num dos últimos posts, que não conseguiria fazer o #VEDO lá no canal, na minha cabeça passava que eu iria conseguir manter a rotina de posts diários. Ledo engano.  Mas do dia primeiro pra cá, cadê o tempo??? Quando eu via, o dia já tinha ido inteirinho, e por mais que eu quisesse, eu já estava desmaiando de sono em cima do teclado.

A casa está uma bagunça só, por todos os cômodos. A rotina com os meninos está intensa e com meus pais também. Mas graças a Deus, tudo fluindo bem… na correria, sem muito tempo de postar em nenhuma rede, mas vamos que vamos, porque a vida real é sempre mais importante que a vida virtual.

Mas nessa época do ano, eu já tenho tudo prontinho do #EBSA do ano seguinte. E dessa vez, ainda não. ha ha ha Ou seja, a correria vai aumentar ainda mais a partir de agora! E eu quero mudar tanta coisa nele… rsrsrs

Mas não sem falar com vocês antes. E vamos começar a falar dessas mudanças amanhã, numa live lá no insta. Se você ainda não me segue, vai lá: @simone_aline

Bem, e eu espero em breve voltar a rotina nas redes.

Super beijo,

 

Bombril para blogs, Cursos e Educação, Diversos, Eventos, Famosos, Negócios, Notícia, Viagens-Passeios-Turismo

PRÊMIO INFLUENCIADORES DIGITAIS 2018

No domingo passado viajamos para São Paulo, para participar da terceira edição do Prêmio Influenciadores Digitais, que aconteceu dia 23/07 no Teatro Maksoud Plaza.

 O prêmio foi lançado há 3 anos, de forma inédita pela Negócios da Comunicação, primeira plataforma a reconhecer a importância dos Influenciadores Digitais, com base em pesquisas de métricas e relevância, reconhecendo assim, os maiores influenciadores do Brasil. E premiando todos eles numa festa linda, com grandes patrocinadores (Bayer, Volkswagen, Grupo Petrópolis e Santander), marcas, agências e apoiadores.

Márcio Cardial, diretor e publisher da revista Negócios da Comunicação, me convidou para apresentar alguns momentos dessa premiação. E eu fiquei como???? Mega lisonjeada com esse convite especial!

No dia do evento também aconteceu o 3º Influent Minds: um Fórum de Negócios Digitais, para debater as relações e posicionamentos entre influenciadores digitais e marcas.
Ao todo, foram apresentados quatro painéis: O primeiro com o tema ‘Marcas e influenciadores: uma reflexão sobre essa relação’. Em seguida, o painel ‘A importância dos microinfluenciadores na estratégia das marcas’.

Na parte da tarde, o painel apresentado foi ‘Cases: Como as marcas conquistam sucesso”, e em seguida, aconteceu a palestra ‘Relevância: como as marcas e agências entendem isso’, encerrando a programação do Fórum.

A noite foi hora do cocktail da premiação, cheio das webcebridades, com um buffet delicioso. E em seguida, todos os convidados foram se acomodando no teatro, para o início do prêmio.

influenciadores digitais, Prêmio Influenciadores Digitais, influent minds, premiaçãp, cocktail, viagem pra São Paulo, viagem pra Sampa, negócios da comunicação, apresentação do prêmio,

Apresentado pelo narrador Marcelo do Ó, e esse ano, também por euzinha! Fiquei toda boba e, sinceramente, muito honrada!

Antes de chamarmos os patrocinadores e apoiadores para a entrega, e claro, os premiados da noite, Márcio Cardial falou sobre comemoramos a confiança que a audiência deposita em cada um dos influenciadores presentes. E num discurso que emocionou não apenas a mim, como muitas outras pessoas, ele falou justamente sobre o nosso tema do nosso #EBSA9: #Inspire

Porque inspirar é tudo que um influenciador faz! Seja a inspiração na vida das pessoas. Faça da melhor forma aquilo a que você se propôs, e evolua, sempre!

Por meio de métricas de audiência, influência e relevância foram selecionados os 6 melhores de 22 categorias (Beleza – Cidades, Arquitetura e Urbanismo – Comportamento e Estilo de Vida – Conhecimento e curiosidades – Cultura e Entretenimento – Decoração, Organização e DIY – Economia, Política e Atualidades – Educação – Empreendedorismo e Negócios – Esporte – Família – Fitness – Games – Gastronomia – Humor – Meio Ambiente e Sustentabilidade – Mídia e Comunicação – Moda – Pets – Saúde – Tecnologia Digital – Viagem e Turismo), que vocês podem ver no site www.premioinfluenciadores.com.br.  A seleção dos indicados foi um processo realizado pela agência A2ad e a votação auditada pela BDO Brazil. E ainda tiveram os Destaques de cada categoria também.

O #EBSA participou das duas edições anteriores, e estar ainda mais presente nessa terceira edição, foi mais que especial, de verdade! A internet, pra mim, é um marco na minha vida, e acredito que na vida de muitas pessoas também. Aproveitei a viagem para gravar um vlogão:

Ficou grande, eu sei… mas olha que eu não coloquei nem metade aqui! ha ha ha Foi demais!

E em breve vou falar sobre o Prêmio MicroInfluenciadores Digitais, que acontecerá em Novembro. Não fiquem de fora, porque será de arrasar também!

Bjks!