Browsing Tag

Fluminense

Comportamento, Crianças / Filhos, Diário da Si, Esportes

MEU BÊZINHO JOGADOR DE BASQUETE

Oi gente linda 🙂

Quem me acompanha lá no instagram (segue lá: @simone_aline) sabe que meu filhote mais novo, Marcelo André, detesta quando eu o chamo assim: de Bê. Recentemente, alguns amiguinhos da escola vieram fazer um trabalho aqui, e ouvi a mãe de um deles o chamando de Bê. Aí falei: “Tá vendo filho, a mãe do seu amigo também o chama de Bê, e ele nem liga. Atende sem cara feia e responde numa boa!” Aí ele me olhou, sorriu e disse: “Mãe, o nome dele é Bernardo!” kkkkkkkk

Ah, tá bom… e daí? Filhos são nossos eternos bebês, crianças, adolescentes no máximo. Porque mesmo quando se tornam adultos, continuam sendo os filhos!

Mas hoje vou falar do meu Bêzinho jogador de basquete. Que ele joga, não é novidade. Teve seu irmão mais velho como ídolo, e claro, acabou decidindo praticar o mesmo esporte!  Parece que foi ontem que jogou pela primeira vez no time do irmão, onde as tias o deixavam treinar e quicar a bola, de tanto que ele já gostava e queria também! Ele era o menorzinho, o xodó do pré-mirim. Vira e mexe dentro da quadra, ele abria os braços e fazia um “aviãozinho”, todo mundo ria. Era uma graça. E ele se sentia jogador também!

A imagem pode conter: 4 pessoas

Amo ver essas fotos lá do início da “carreira”, ele pequenininho ao lado do irmão mais velho! Claro que meu Bê acabou aprendendo a jogar cedo, e desenvolvendo seu talento também pra coisa! E continua seguindo absolutamente todos os passos do irmão.

Daí que o irmão decidiu que queria fazer peneira esse ano. Peneira  no basquete é igual no futebol: uma “prova”, uma seleção que os times fazem para descobrir novos jogadores nas categorias de base (menores de 18 anos). E ali avaliam as características e habilidades de cada um.

O professor de basquete do time atual do meu Bê… ops, Cecelo – está na iminência de ir para o Vasco da Gama. E já disse que, se realmente for, levaria ele junto.  Mas Cecelo puxou a minha ansiedade. E a primeira peneira que abriu, ele quis logo tentar, para saber exatamente como funciona.

E ontem, lá foi ele para o Fluminense:

Ficou todo bobo porque passou na peneira e irá participar do time. Já até avisou ao treinador, que disse que era para ele ficar no Flu mesmo, porque vai que o Vasco não rola… O Fluminense tem uma escolinha maravilhosa para os times de base, vejo isso desde o pré-mirim.

Mais uma conquista do meu filhotinho mais novo! E a mamãezica está como? Muito feliz por ele também!

Apenas alguém feliz! 🙂

E que acredita que #juntassomosmelhores ♥