♥ PORQUE EU PRECISO DESABAFAR... ♥

em 17 agosto 2011

Oi gente!? =)
Bem, quem já me segue há algum tempo sabe que eu escrevo (f)utilidades das mais diversas... bobeiras, piadas, sorteios, papos de "meninas"... e enfim, as vezes eu também "descarrego" e choro um pouquinho por aqui... afinal ninguém é de ferro! Daí o nome do blog ter "de tudo um pouco..." he he he
Sabe, por dia eu atendo no brechó cerca de 10 pessoas querendo vender suas roupas! E acho que não existe nada de errado em pensar em ganhar uma "graninha extra" com aquilo que a gente não usa mais, e insiste em GUARDAR!!! Muitos brechós compram e consignam suas peças.  Eu já consignei, mas confesso que tive muuuuuitos aborrecimentos para pouco retorno... e eu PAGO para não me aborrecer!!!
Mas se você tem esse "propósito" (de vender ou consignar), não FINJA que quer ou gosta de "DAR A QUEM PRECISA"!!!
Não consigo entender a mentalidade das pessoas em relação a "AJUDAR AO PRÓXIMO"! No fundo, a grande maioria, quer mesmo é "levar vantagem" (o famoso "jeitinho brasileiro"). Deixa eu me explicar...
Já CANSEI de VIVENCIAR (em apenas UM MÊS completos hoje!!! =D) essa cena:
Alguém chega no brechó com um saco cheio e diz: "- Arrumei essas roupas para DAR porque NÃO SERVEM MAIS PARA MIM. Mas trouxe aqui para você ver se você quer COMPRAR!" 
Hã???????????????????????????????????????? =/
E quando eu SORRIDENTEMENTE digo que recolho doações em casa e que quando compro, compro direto para brechó, onde eu também PERCO peças (que vem impróprias para venda) e DOU aquilo que não vou vender, as pessoas se espantam... =O E nesse momento a pessoa que arrumou uma bolsa para DAR, simplesmente exclama:
"- Ah, não!!! Pra dar eu dou para alguém que PRECISA"!!!
Será que essas pessoas pensam que eu passo o dia com MEU RABO SENTADO porque NÃO TENHO O QUE FAZER e porque eu NÃO PRECISO???????
Pois é... E para quem não sabe, as sextas feiras eu faço DOAÇÕES no brechó, de peças que eu recebo e NÃO VENDO (cortinas; roupa de cama, mesa e banho; roupinhas de recém nascidos e coisinhas para gestantes; livros de pré vestibular para quem quer estudar e não tem como pagar um cursinho ou boas apostilas; e por aí vai...), além das DOAÇÕES de roupas que não dão para vender, mas ainda podem ser usadas , ainda podem esquentar numa noite de frio...
Sabe, deixa eu falar o que aconteceu na primeira vez que DOEI no brechó (sem separação "prévia"), a quem eu julguei que PRECISAVA: 
arrumei um saco de roupas mistas, nada rasgado, sujo ou peças que não dariam mais para usar, apenas não servem mais para serem vendidas... Enfim, meu único pedido a pessoa que PRECISAVA foi que o que não lhe servisse passasse adiante, desse para outra pessoa... E adivinhem o que ela fez???? A pessoa que PRECISA foi largando pela rua, enquanto andava... ia tirando peça por peça do saco e o que não lhe agradava, ia deixando pelo chão... Fiquei muito chateada. Resolvi ter um dia para as doações (sexta) e na quinta feira tenho o trabalho de separar roupas de criança (meninos e meninas), roupas de adultos (femininas e masculinas), adolescentes e senhoras... Enfim, para evitar que alguém leve aquilo que não PRECISA e acabe tirando de outra pessoa. Muitas vezes a gente dá alguma coisa para quem a gente JULGA PRECISAR, e essa pessoa simplesmente não dá valor!!! =(
Então se você prefere DAR para gente que PRECISA "desse jeito", tudo bem... é direito seu!
Se você pensa que eu GANHO em cima de doações dos outros, é direito seu também, e você tem duas opções:
1ª - ABRIR UM BRECHÓ para ver QUANTO eu ganho ± (Cuidado... é tanto dinheiro que fica até difícil fazer a contabilidade... em um mês de funcionamento ainda não decidi se viajo pra Paris ou para a Disney!!!)
2ª - VAI FAZER TRABALHO VOLUNTÁRIO, porque serve para se ter idéia de que a gente ainda faz pouco, diante de tudo o que podemos fazer pelo próximo... e PRÓXIMO pode ser quem está pertinho mesmo... família... amigos... vizinhos... enfim, nem sempre é preciso estar na "merda" para receber ajuda!
Mas... é aquela "velha história":
É SEMPRE MAIS FÁCIL FALAR DO OUTRO...
Se cada um fizesse a SUA parte, e na hora de AJUDAR pensasse apenas em AJUDAR realmente... com certeza viveríamos num mundo melhor e mais humano!!!
Aff!!! Estava precisando "desabafar"... rsrsrs pra variar!!! he he he
Obrigada por me "ouvirem" (ops! lerem...rs)
Bjks!

7 comentários:

  1. Tem que desabafar mesmo! infelizmente algumas pessoas não sabem reconhecer e não dão valor ao trabalho alheio... ontem eu estava lendo um blog de um cara que faz desenhos, e no blog dele ele coloca e-mails em que as pessoas pedem pra ele fazer os desenhos de graça ( sendo que o trabalho dele é fazer os desenhos) e acham ruim quando ele começa a fazer graça nas respostas dos e-mails.
    Eu amo coisas de artesanato e sei que muita coisa feita a mão é trabalhoso fazer , então se tenho condições , compro mais caro mesmo pois sei o valor de ser feito a mão, mas novamente digo , algumas pessoas não dão valor ao trabalho alheio...

    ResponderExcluir
  2. Oi Si,
    Você ajuda o próximo e quando é a hora de ajudarem você, agem mesquinhamente... Entendo sua mágoa.

    E sobre a ingratidão de quem você ajuda, eu creio que A PIOR COISA QUE VOCÊ PODE VIVENCIAR NESSA VIDA, seja a INGRATIDÃO...

    Mas Si, ignore esses fatos tristes, porque no meio dessas pessoas podres... Vai sempre ter algumas que vão lhe ser gratas por toda a vida, e talvez você nem venha à saber.
    Fica bem!!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Oi Sí
    Amiga eu posso imaginar o que vc passa...
    Amiga,o que tenho certeza é de que sempre haverá cinco pra tentar "PERTURBAR" seu dia e te entristecer e vinte para lhe alegrar,ainda que seja com um sorriso verdadeiro!
    Essas pessoas infelizes e carentes de atenção,devem sentir prazer em fazer vítimas frustadas como elas,e contigo,isso não acontece...
    Amiga,o prazer de amar e ajudar ao próximo,só Deus pode ver,e vc saber...
    São esses os valores que levamos desse mundo,e isso...NÃO HÁ DINHEIRO QUE PAGUE...é de valor incalculável...
    Desejo tudo de bom a vc e sua família que tenho o privilégio de conhecer!
    Deus esteja sempre a sua frente e te abençoando,vc merece e faz por merecer.
    Tipo aquela música antiga,mas linda...
    "QUEM SABE FAZ A HORA,NÃO ESPERA ACONTECER..."
    Felicidadessss milll!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Bjus no S2

    ResponderExcluir
  4. A melhor coisa é desabafar.
    Existem pessoas de todo tipo. bjos
    http://maemel.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Si, eu nem imaginava q vc mexia com brechó... Viux, eu já separei roupas várias vezes pra levar prum brechó ou para colocar à venda num blog mas acabava fazendo o q? Doando, rs.
    Minha tia trabalha num bairro daqui q vende tudo a um bom preço. Ela compra até coisa q não serve, rs. Daí o resto da família acaba ganhando! Meu guarda roupa hoje é quase todo vindo de lá! kkkkk
    Acho q certas coisas a gente precisa fazer de coração... eu nunca consegui vender minhas roupas... qndo saí da empresa em q trabalhava, separei umas coisas pra vender lá. Acabei dando uma bolsa e trazendo o resto pq o pessoal não quis mto. Aproveitei q já estava num saco e dei pra uma amiga q pediu doações pra levar pra roça (nessa eu aproveitei pra tirar um monte de roupa velha e boa do marido pra mandar! não cabia no guarda roupa e ele tem mais roupa q eu! rs)
    Ennfim... entendo o seu desabafo e concordo com vc.
    Bjks

    ResponderExcluir
  6. Ficou chateada!? Eu ficaria furiosa. Nossa, acho até que para tal pessoa não daria mais nada. Da próxima vez que você doar, Si, deixe a pessoa escolher as peças antes de levar para evitar que jogue fora também. Que coisa triste. Aff...
    Beijinho e muita paz, querida.

    ResponderExcluir
  7. Olá Si.
    Sei como se sente. Minha mãe doava roupas minha a uma menina que estudava na mesma escola que eu, mas era mais nova. A mãe dela vinha até minha casa e contava a maior estória, até que um dia minha mãe deu uma blusa e depois viu com outra pessoa na rua.(Sabe aquela roupa que só a gente tem?)
    Resumindo: a mãe da menina pedia pra filha, mas vendia para outros.
    Antes ela falasse a verdade.
    O que mais nos deixa chateadas, é que pessoas assim acham que nos fazem de bobas.
    beijos e não fica triste não, porque quem luta alcança a vitória.

    ResponderExcluir

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo