Campanha "Você é nosso movimento"!

Verificado

Bora começar a semana movimentando? Movimentando as redes sociais para a campanha da AACD. Já faz um tempinho que eu falo da instituição por aqui. Cheguei a participar da primeira bancada online do Teleton, em 2017:

Mas a pandemia da Covid-19 trouxe muitos desafios para a instituição. Um deles é a queda de doações de pessoas físicas, que já acumula uma redução de 60% nesse período. 😱 Para superar esse momento, a Instituição lançou no mês de Julho a campanha "Você é nosso movimento", com o objetivo de engajar a sociedade na causa da pessoa com deficiência física e garantir importantes contribuições para que os atendimentos não sejam afetados.


Para a Sofia, o Miguel, a Mariana... e outras tantas pessoas que dependem dessa instituição (que busca engajamento da sociedade para superar a queda de doações desde o início da pandemia), e que eu te convido a conhecer e ajudar da maneira que você puder!
Por ano, a AACD realiza cerca de 800 mil atendimentos, sendo 80% via Sistema Único de Saúde (SUS), ou seja, sem nenhum custo direto. Em média, o SUS repassa para a AACD cerca de 17% do valor de cada atendimento nos centros de reabilitação, sendo que o restante do valor é coberto com recursos próprios. Na Instituição, são atendidas pessoas com deficiência física e pacientes ortopédicos de diversas partes do Brasil, que contam com trabalho de excelência para ter uma melhor qualidade de vida e contribuir para uma sociedade que acolha melhor a diversidade.


E engana-se quem pensa que a instituição é apenas para crianças. Eles atendem pessoas de todas as idades. 

"Temos feito um enorme esforço para que nenhum paciente seja prejudicado. A paralisação do processo de reabilitação causa um grande impacto à pessoa com deficiência, por isso, investimos em Telemedicina e em protocolos de segurança fundamentais para a retomada dos atendimentos presenciais", afirma a Dra. Alice Rosa Ramos, superintendente de Práticas Assistenciais da AACD.


"Há um forte movimento da sociedade que, desde o início da pandemia, se engajou e contribui de forma efetiva a mudar a realidade em diversas causas sociais. Precisamos que esse engajamento, de pessoas e empresas, também se estenda à AACD, pois o movimento é urgente, e a solidariedade também! Estamos vendo neste momento o quanto o povo brasileiro é solidário e precisamos desse apoio para efetivamente criar uma cultura de doação no país, pois instituições como a nossa precisam e vivem dessas contribuições", diz Edson Brito, superintendente de Marketing e Relações Institucionais da AACD.
 

O vídeo da campanha, narrado por Paulinho Dias, paciente da AACD vítima de sequelas da poliomielite, traz justamente esse viés da importância da ajuda ao próximo em um momento tão difícil como o atual. "Por aqui tem sido difícil também, todo mundo tem pressa em se mover. Muitos não veem a hora de se movimentar e, por isso, precisam de você para continuar. Sem a sua doação, não há movimento. Faça agora a sua doação, é a sua doação que move a AACD. E o nosso tratamento não pode parar, o movimento é urgente, e a sua doação também", diz o texto. 

Fundada em 1950, a AACD possui uma infraestrutura completa dedicada à reabilitação e habilitação de pessoas com deficiências físicas e pacientes ortopédicos – composta por um hospital ortopédico, oito unidades de reabilitação e cinco oficinas para fabricação de produtos ortopédicos. Realiza em média 800 mil atendimentos anuais para pacientes de todas as idades, via SUS, particular e convênios. Também conta com parcerias no modelo cooperação técnica com diversas entidades da sociedade civil do Brasil. Tem ainda a AACD Lesf (unidade escolar), a área de Ensino e Pesquisa, que dissemina os conhecimentos adquiridos ao longo de sua história aos profissionais de todo o país, e com a AACD Esporte, que contribui por meio da prática esportiva para a inclusão da pessoa com deficiência. 

Aproveitando que está todo mundo também ligado nas Olimpíadas, vocês sabiam que dois atletas da AACD Esportes foram convocados para representar o Brasil na modalidade tênis de mesa nos #JogosParalímpicos de Tóquio??? 🏓 Muito bacana, né?

Ale Cabral - @ocpboficial

É possível doar de forma simples e rápida qualquer valor via PIX, por meio da chave doeaacd@aacd.org.br

Para se tornar um mantenedor da AACD, acesse  https://doe.aacd.org.br/

A ação também conta com spot de rádio e peças publicitárias. Além das redes sociais, a AACD busca veiculações em grandes veículos da mídia nacional - TVs, rádios, jornais, revistas e sites. Bora ajudar também? E através das nossas redes sociais a gente pode ajudar a divulgar essa campanha, fazer com que chegue ao máximo de pessoas que puder, e lembrar a todos a importância dela! Topa? 

Beijos da Si

RESENHA NOVEX CUPUAÇU E AÇAÍ

Oi gente! Bora falar de mais uma família mara que dona Embelleze lançou?


Os superfoods estão com tudo, e a marca não para de nos trazer uma novidade atrás da outra! Os cabelos agradecem
A nova família foi feita para proporcionar uma umectação reenergizante, para dar aquele UP! 

Vegano, com fórmula liberada sem sulfato, sem parabenos, silicone e petrolatos;  serve para qualquer etapa do Cronograma Capilar e também para todos os tipos de cabelos. A dupla poderosa da vez é:

Manteiga de Cupuaçu: Auxilia na absorção e manutenção de água nos fios, melhorando a elasticidade e o toque.
Extrato de Açaí: Contém vitaminas, flavonóides (antioxidantes), proteínas, lipídios e aminoácidos. Devolvem energia aos fios, revitalizando-os.

E aquilo que eu mais AMO nos produtos da marca (além do preço justo!): resultado fantástico em apenas 3 minutos!


O shampoo é entre transparente e leitoso, e tem uma leve cintilância. O cheirinho é delicioso. Eu não sei se cupuaçu é cheiroso, mas acredito que sim, porque açaí não tem um cheiro tão marcante, e essa nova família da Novex tem um cheiro muito gostoso! 

O creme de tratamento e o tratamento condicionante já deixam a gente sentir os fios mega sedosos ainda no chuveiro.  E o creme de pentear finaliza hidratando com emoliência e completamente revitalizado! Apaixonada mais uma vez! 

E vocês, já conhecem e/ou já testaram mais essa família Embelleze? Se quiser garantir com 10% de desconto, só clicar AQUI e usar no fim das suas compras meu cupom de desconto: simonealine

Beijos da Si 

O uso do piercing pela história. Rebeldia, estilo e diferenciação.

Entenda como ocorreu a evolução dos piercings até os dias atuais.

Atualmente os piercings são vistos como um enfeite moderno e estiloso que em grande maioria é usado pelos jovens, mas nem sempre o mundo foi assim. Antigamente, utilizar esse acessório poderia representar diferentes posições hierárquicas entre outras coisas.

Com o decorrer dos 5000 anos de história, o piercing mostrou sua representação em diferentes civilizações, alguns utilizavam por vaidade, outros para cultos religiosos mas cada um com seus motivos únicos. Neste artigo acompanhe a trajetória desse item milenar.

Indícios mais antigos do uso de piercings:

Esquimós do alaska
Um dos indícios mais antigos é o uso de piercings pelos esquimós em 4000 A.C. Em sua cultura, os piercings eram colocados nos lábios para representar marcos importantes na vida de uma pessoa como puberdade, casamento, iniciação na caça entre outros.

Egípcios
No Egito antigo (3000 A.C.) os acessórios eram usados principalmente nas orelhas, somente pelos membros da realeza. O piercing no umbigo tinha o uso exclusivo do faraó para mostrar a todos o seu título hierárquico.

Chineses
Na dinastia Shang por volta de 2000 A.C., já era costume das mulheres utilizarem brincos grandes. As perfurações eram feitas em garotas de 12 e 13 anos em seu casamento.

Maias e Astecas
Em 900 A.C. esses povos já tinham o costume de utilizar as perfurações para simbolizar suas diferentes participações na civilização e até mesmo como enfeites tribais. Piercings na língua e no septo tinham um enfoque maior em sacerdotes e em cultos religiosos.

Romanos
Os romanos eram um povo muito preocupado com sua aparência, em 700 A.C. já utilizavam alguns piercings como adorno. Sua participação na evolução dos acessórios se dá pelo fato dos homens colocarem argolas nos mamilos como símbolo de vitalidade sexual.

Indianos
Na índia, a cultura dos piercings sempre esteve presente desde os tempos antigos (100 a 400 D.C.). O furo no nariz é proveniente dessa região, quanto maior a argola que a pessoa usar, maior é seu status social.

Europa
No século XIX, as mulheres européias gostavam de manter uma boa aparência em seu busto. Recorrer a piercings no mamilo eram muitas vezes uma opção da nobreza no continente.

Tribos africanas
O uso de piercings com o passar dos tempos sempre esteve presente nas tribos africanas.
Uma perfuração comum na tribo Makololo é o prato nos lábios visto pelas mulheres como um símbolo de extrema beleza recebido pelo marido na cerimônia de casamento.

Cultura no ocidente - A volta dos piercings
Com o passar dos anos a cultura de utilizar piercings foi se perdendo no ocidente. E só veio à tona novamente em 1960 quando os furos eram utilizados pelos adeptos do movimento hippie e mal visto pela população.

Movimento punk (Anos 70 e 80)
Com a baixa do movimento hippie, os piercings foram adotados pelos punks que utilizavam as jóias de forma grotesca para satirizar e se separar da sociedade burguesa. Com isso o uso dos piercings foram infundidos a pensamentos negativos e símbolos de rebeldia.

Como está atualmente?
Até mesmo hoje em dia vemos pessoas com um certo receio com quem utiliza piercings, alargadores e derivados. Isso foi causado pela constante difamação de alguns movimentos liberais em que as pessoas utilizavam piercings.

Porém, a cada dia que se passa esse pensamento ruim é deixado para trás e hoje já observamos os furos presentes em todos os tipos de pessoas desse planeta. A utilização de um piercing é como se fosse de qualquer outro acessório, não te muda por dentro.

Por que os jovens gostam tanto dos piercings?

Colocar um piercing é uma representação de rebeldia e liberdade, tudo o que um jovem sente quando começa a crescer um pouco. Essa é a maneira de mostrar para os pais, professores, amigos e familiares que são donos de si mesmos.

Porém não é somente isso, hoje em dia os piercings são um acessório da moda como um anel, colar, pulseiras, bonés, entre outros. E sim, são um grande pretexto para tentar chamar a atenção daquela paquerinha na escola.

Como o piercing entrou para a moda?
Em 1990 os piercings entraram na moda pois o mundo estava em uma transição de um estilo conservador para um estilo “underground”. Nessa mesma época, famosos como a cantora Madonna começaram a exibir as jóias.

A mentalidade das pessoas perante os piercings foi mudando e hoje em dia existem diversos tipos diferentes de furos. As jóias são um dos principais acessórios utilizados no mundo inteiro.

Vocês curtem? Me contem!
Beijos da Si

3 DICAS PARA USAR O CROPPED NO INVERNO


Sensação da moda primavera e verão, o cropped feminino se tornou o queridinho do guarda-roupa feminino.

Descolado, o cropped pode ser encontrado em diferentes modelos e deixa os looks mais ousados e modernos.

A peça é famosa por seu corte mais curto, que deixa a barriga toda de fora, o que a torna perfeita para os dias mais quentes.

Porém, não é apenas nos dias de verão que você pode usar essa peça tão versátil.

Você pode, sim, usá-lo em dias com temperaturas mais baixas sem sair de moda e ainda assim manter-se aquecida.

Quer saber como? Vou te dar três dicas para abusar do cropped nas estações outono e inverno sem perder o estilo.

1- Invista no cropped manga longa

Para amenizar o frio, você pode optar pelo cropped manga longa. Ele deixa seus braços aquecidos e podem ser encontrados em diversas cores e estampas.

Priorize os tecidos mais encorpados, que evitam a passagem do vento frio.

Uma super trendy é o cropped moletom, que também pode ser encontrado no formato de conjunto cropped de moletom.

O conjunto de calça e cropped e o moletom cropped estão super em alta e deixam você muito arrumada e confortável.

2- Faça sobreposições

As sobreposições fazem a diferença no look. No caso de composições com cropped em dias mais frios, elas são essenciais para te deixar bem vestida e quentinha.

Vale apostar em casacos de couro, jaqueta jeans ou até mesmo o sobretudo, que deixa as produções muito mais elegantes e é a cara do inverno.

Seja qual for a opção de sobreposição, deixe sempre a peça sobreposta aberta para que o seu cropped possa continuar em evidência e não fique escondido.

3- Varie os tecidos

O cropped pode ser encontrado em vários tipos de tecido, dentre eles: couro, lã, algodão, entre outros.

O cropped de couro deixa a composição muito mais moderna e ousada. Ele fica perfeito para eventos noturnos ou que exijam mais sofisticação.

O cropped tricot é uma tendência que acompanha o colete de lã. Os looks com a peça ficam muito elegantes, charmosos e com uma pegada mais romântica e delicada.

Você pode encontrá-lo em diversas cores, inclusive as cores fluorescentes, que também são hot trend do momento.

Já o cropped de algodão, pode ser usado em todas as ocasiões. Seu tecido é muito confortável e conta com uma variedade de modelos de cropped disponíveis no mercado.

Viu como é possível arrasar com seu cropped em todas as estações? Aposte na peça e deixe os seus looks de inverno muito mais estilosos e cheios de atitude.

Beijos da Si

CABECEIRA DA CAMA DE MADEIRA

Sabia que a cabeceira de cama de madeira pode te ajudar na decoração?

A cabeceira de cama de madeira é a escolha perfeita para quem quer deixar o quarto mais aconchegante e confortável.

Ela harmoniza o cômodo e deixa a decoração muito mais bonita e agradável. Sem contar que sua instalação é fácil e rápida e não demanda de muitas ferramentas.

A cabeceira de cama casal conta também com material de alta durabilidade e, por esse motivo, a peça é uma das mais procuradas para a decoração de quarto.

Ela pode ser encontrada em diversos tons e acabamentos e a sua maior vantagem é a facilidade que ela tem para combinar com outras peças.

Composições com peças do mesmo material

A grande sacada da cabeceira de cama de madeira é que ela conversa com outras peças do mesmo material, mesmo que possuam cores diferentes.

A madeira é muito versátil e traz inúmeras possibilidades na decoração. Você pode combinar um tom mais escuro com outro mais claro, por exemplo, e deixar a decoração mais divertida.

Conforto e decoração juntos

Na hora de optar por uma cabeceira de cama, atente-se aos modelos de cabeceira de cama. Por exemplo, uma cama de casal queen deve acompanhar uma cabeceira de cama de casal queen.

Caso o cômodo tenha maior espaço, esse tamanho é perfeito para proporcionar ainda mais conforto. O uso de almofadas também contribuem para melhorar o bem-estar e para deixar a decoração ainda mais interessante.

Uma boa ideia é utilizar muitas almofadas com estampas coloridas ou travesseiros com desenhos para um quarto mais aconchegante.

Outros objetos decorativos, como bibelôs, porta-retratos e vasos também são muito bem-vindos e deixam o ambiente mais acolhedor.

Otimização dos espaços

A cabeceira de cama de casal traz uma alternativa interessante para quem possui espaços pequenos. A junção da peça com espelhos transforma o ambiente e faz com que ele pareça maior.

Para um cômodo mais moderno e com maior amplitude, você pode instalar um espelho acima ou nas laterais da cabeceira. E ainda pense em detalhes trabalhados ou lapidados, pois eles dão um toque a mais de sofisticação para o ambiente.

A cabeceira de cama madeira com certeza é uma peça valiosa para quem quer um quarto bem decorado e com muito conforto.

Agora que você viu como ela pode ampliar as possibilidades na decoração e transformar seu cômodo, que tal investir na peça e desfrutar de um quarto mais aconchegante e acolhedor?
QUER SE DESTACAR NO INSTAGRAM?
E-BOOK

Atualizações do Instagram

Subir