♥ BACANA É SER RECESSIONISTA! ♥

em 12 setembro 2010

Algumas grifes européias já aderiram ao conceito de sustentabilidade e já possuem lojas onde "se compra e se vende" peças usadas da própria marca. O cliente economiza e a loja idem, e todos ficam com a consciência mais tranquila. Imagina só, chegar numa loja de grife, deixar as roupas que já nos ficaram "sem graça" por lá e sair com tudo novo???? Bem, mas embora o mundo precise se familiarizar mais com o fato de que tem que aprender a consumir (ou aprender a não consumir TANTO!), se lá fora as lojas ainda são poucas, aqui no Brasil então...aff!!!
Desde que a crise econômica atingiu os Estados Unidos, afetando a economia de muitos outros países do mundo, o que realmente está na moda é ser recessionista. Essa é a palavra que designa as pessoas que praticam o consumo consciente, sem deixar o bom gosto de lado. A origem da palavra é desconhecida, mas foi difundida por Mary Hall, uma gerente de marketing da IBM de Los Angeles, que criou o blog The Recessionista, onde dá dicas sobre como economizar com moda e beleza. E ainda tras fotos das celebridades que já aderiram à moda!!!
Além de uma resposta aos problemas econômicos, a tendência recessionista também se relaciona com os impactos ecológicos. Todo mundo sabe que o consumo desenfreado gera um gasto maior dos recursos naturais para a aceleração da produção. De acordo com uma pesquisa realizada pela especialista em saúde ambiental Annie Leonard, nos Estados Unidos, apenas um em cada cem itens comprados eram mantidos pelo consumidor por mais de seis meses. O resto era descartado e substituído, alimentando o lixo. O recessionismo é reflexo da crise e um ato de conscientização em relação a esse fato. No Brasil, a moda recessionista ainda está começando a ganhar mais adeptos, mas com poucos estilistas ainda. E o "sustento" aqui são lojas de fast-fashion (ou marcas mais populares) como a linha de Reinaldo Lourenço para a C&A. O vintage é uma parte importante do “recessionismo” e, além de contribuir com a economia, poupa um pouco o meio ambiente.
Recessionistas não se importam em comprar em outlets e bazares, muito pelo contrário. Consideram um ato de extremo mau gosto gastar fortunas em uma bolsa, por exemplo, ignorando a situação econômica mundial. Podemos manter o estilo e a elegância, apesar dos efeitos da crise. E gostamos de estar na moda, mas acima de tudo, também somos inteligentes. O mundo está passando por dificuldades e, por isso, gastar dinheiro não é chique!
Bacana é ser recessionista:
Consumo consciente, unindo bom gosto com inteligência, gente com talento para achados maravilhosos e para fazer garimpos em qualquer lugar!!! E acreditem: a gente encontra cada coisa!!!! Nooooooooossa!!!
 E uma das coisas mais importantes é refletir sobre o valor real das coisas.
É importante analisar o que já se tem no guarda-roupa. Lá podem existir peças que você sequer lembrava e que, com alguns ajustes e modificações, podem se tornar itens incríveis. É possível trabalhar com os acessórios também. Em vez de gastar muito dinheiro com roupas, invista em acessórios – detalhes podem fazer muita diferença e transformar peças clássicas em looks trendy.
É importante lembrar que o fato de uma peça ser de tal marca não pode ser argumento para um valor exorbitante – é necessário analisar o que a peça tem de valor agregado e o que tem de real, como qualidade de corte, tecido, entre outros.
O fashionismo, na verdade, não morreu – ele simplesmente se adaptou às novas condições. Os fashionistas estão mais atentos e conscientes, usando a criatividade na hora de gastar seu dinheiro.
Fonte: Portais da Moda 

Pois é... e aproveitando a "crise"... vocês conhecem a lojinha, né? Lucky Clover, o meu "portfólio virtual" dos trabalhos aqui na web e outras coisitas legais!?!?
Enfim, deixa eu me "apressar" porque já escrevi à beça (pra variar!).
Hoje eu recebi alguns amigos, e tinha uma encomenda para entregar de uma camisa. Mas eu não queria entregar a embalagem plástica normal apenas...  Também não posso gastar com uma embalagem no "meu estilo", senão fico sem lucro... ou, pra variar, "pago" pelos outros!!!!kkkkkkkkkk
Tenho que aprender sobre vendas ainda... quem sabe um dia eu chego lá???? onde, hein???rsrsrsrs
Pois é... aí procurei pela net embalagens recicladas e tal e encontrei esse site aqui. Super bacana, e fiz minha embalagem. Simples, mas feita com carinho, e enfeitada ficou uma gracinha!!!


O presenteado vai ser um flamenguista sim...rsrsrs Antes que vcs perguntem!!!
É o namorado de uma das amigas que estiveram hoje aqui em casa. E ela adorou.
No cartãozinho "DE: / PARA:" ainda tem uma descrição sobre as sacolas "ecologicamente corretas" e falando sobre a valorização do artesanato manual.
Eu amei tb! Super fácil de fazer, rápido e nem gastei nada... só minha criatividade e boa vontade!
Montei um vídeo com o PAP pra quem quiser aprender, tá? Espero que gostem!
'Image

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo