O Segredo de Transformar Sofrimento em Superação

em 26 junho 2015

Quando falamos em sofrimento emocional o que te vem à mente? Mágoa, culpa, decepção, tristeza, medo, dor, ansiedade, stress, rancor, inveja? Experiências que ocorrem ao longo da nossa vida como ser traída, romper um relacionamento amoroso de anos, nos decepcionarmos com a nossa melhor amiga, sermos acusada de algo que não temos culpa, não nos perdoamos quando fracassamos ou ainda a perda de um ente querido, todas essas situações nos geram sofrimento emocional.


Quem nunca sofreu uma ou todas essas dores ao longo da vida e com uma certa frequência? Mas o problema não é sofrer, o problema é que não damos a devida importância para curar estas dores e acabamos ignorando-as sem buscar um meio de efetivamente fazer com que ela não nos agrida mais, e a consequência de não curá-las é que com o passar do tempo, o acúmulo desses sofrimentos podem trazer danos para a nossa saúde mental.


Um estudo publicado pelo British Medical Journal (BMJ) em 2012 aponta que, mesmo pessoas que apresentem níveis baixos de stress, ansiedade, depressão ou insegurança, acabam por aumentar o risco de morte, caso tenham um acúmulo destes sofrimentos por um período de oito anos. Ainda segundo a pesquisa, a mortalidade decorrente de câncer é a única não afetada por problemas psicológicos leves, apenas distúrbios mais intensos e frequentes parecem interferir nesse risco.


Embora todas soframos feridas emocionais diante de acontecimentos como perdas, fracassos ou rejeições, o grau das nossas feridas e como remediá-las, pode variar de pessoa para pessoa. O motivo de tomarmos pouca ou nenhuma providência para cuidar dessas feridas emocionais está na falta de ferramentas adequadas para lidar com essas experiências. É claro que poderíamos buscar ajuda em terapias, mas a verdade é que isso costuma ser pouco prático, já que a maior parte destes sofrimentos psicológicos que experimentamos não são graves o suficiente (na maioria dos casos), para exigir uma intervenção terapêutica.


Quando estamos abaladas emocionalmente não temos os meios necessários para reagir, além de nos faltar a capacidade de identificar quando elas exigem intervenção profissional. Mas então como remediar estas dores antes que elas cheguem ao ponto de nos prejudicar mentalmente? E quando digo mentalmente, não estou aqui afirmando que vamos “enlouquecer”, mas uma consequência muito comum do acúmulo dessas dores, é o desequilíbrio emocional. E ao perdermos este equilíbrio, todas as áreas da nossa vida são impactadas de forma negativa.


Existem práticas e técnicas de higiene mental que atuam de maneira preventiva, nos fortalecendo e nos condicionado a termos equilíbrio emocional em momentos de dores emocionais, bem como técnicas e práticas que atuam de maneira corretiva, para quando algum dano emocional já tenha sido causado. Um dos maiores benefícios de nos fortalecermos emocionalmente, é a habilidade que desenvolvemos de encarar os problemas e desafios com uma perspectiva mais positiva, buscando solução e não se lamentando do problema. Esse equilíbrio emocional, nos permite avaliar as circunstancias que nos induziu a chegarmos no problema, e também, as soluções para se sair dele.


E justamente pensando em orientar as mulheres nessas práticas que remediem e cicatrizem suas dores emocionais e que as fortaleçam a fim de evitarmos danos maiores para nós mesmas, é que surge o CONASEM.


O CONASEM é o I Congresso Nacional de Superação Emocional da Mulher, que irá contar com as maiores especialistas do ramo, onde irão orientar as mulheres com palestras on line e gratuitas sobre como lidar com essas dores e como fazer para fortalecer sua autoestima e recuperar seu equilíbrio emocional. Você irá descobrir como transformar seus sofrimentos na sua maior arma de superação.


O CONASEM acontece do dia 27/07 a 02/08 e caso você deseje se inscrever gratuitamente para ter acesso as palestras on line, é necessário realizar sua inscrição AQUI até o dia 20/07. O CONASEM é uma realização da MMP COACHING, empresa especializada em Coaching de Superação e Autoestima da Mulher e idealizada pela Leader Coach Cintia Souza, que é Analista Comportamental especializada em PNL.


O LINK PARA O CADASTRO NO CONGRESSO É: http://conasem.com.br/leb


conasem-mmpcoaching-universo feminino-ajuda emocional-transformando a dor-superação

cintia

 

9 comentários:

  1. Simone Valeria26/06/2015 08:00

    Oi Simone Aline ( posso chamar de Si? ) nossa conheci seu blog hoje e já adorei, pois me deparei com algo que estou passando.
    Tive uma perda familiar e estou me sentindo muito para baixo, não tenho mais auto-estima, até engordar eu engordei, foram 23 kg em 4 meses.
    Vi que é gratuito e vou me inscrever. Obrigado pela dica e te sigo agora sempre. Parabéns pelo seu blog adorei mesmo. Bjkas

    ResponderExcluir
  2. Fabiana Oliveira26/06/2015 08:02

    Siiiiiiiii, vai ter encontrinho lá também. Caraca seria super legal ter um encontrinho seu junto deste evento.
    #juntassomosmelhores

    ResponderExcluir
  3. Monica Antunes26/06/2015 08:04

    Ola, minha linda. Você sempre pensando em ajudar o próximo. Sempre escrevendo um monte. Adoro!
    Gostei da dica!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. O congresso é online Fabi! ;) Mas a Priscila Barbosa tá fazendo um projeto bacana, nesse mesmo estilo. Vamos ver se conseguimos trazer o MMP pra ele também! #juntassomosmelhores Daí, quem sabe não dê pra fazer um encontro nesse dia? ;) Bjks!

    ResponderExcluir
  5. Oi xará, claro que pode me chamar assim... ♥ Seja muito bem-vinda e fico feliz em poder ajudar! Com certeza as perdas (familiares, amorosas, financeiras...) elas dão um baque na nossa vida. E precisamos estar bem psicologicamente para o corpo não sinta! ;) Inscreva-se sim. A Cíntia (da MMP) é profissional de coach, e com certeza, estará ajudando muitas pessoas nesse congresso! ;) Obrigada pelo carinho! Bjks!

    ResponderExcluir
  6. Muito legal esta iniciativa, e sendo online e gratuita melhor ainda! Você vai palestrar também Si, igual fez no Congresso do Forblogs? Eu te vi lá e no Hangout também, adorei sua dicas.
    Bjkinhas doces e meladas!!

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Simone!
    Vim dar uma olha neste postagem por intermédio de um amigo do Rj!
    Faço Psicologia na Católica aqui de CTBA, mas reparei que o CONASEM é voltado para o publico feminino, e minha especialização vai ser sobre frustrações e desilusões amorosas. Como isto acontece 75% mais vezes com as mulheres, pensei em me inscrever. Será que pode?

    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Oi Lorena, não estarei palestrando não... é divulgação do trabalho de coaching da Cíntia Souza, que é referência em autoestima para mulheres. Online gratuito é tudo de bom, né? ;) Bjks!

    ResponderExcluir
  9. Olá Alexandre, embora o MMP Coaching seja voltado para o atendimento feminino, realmente tem tudo a ver com o seu trabalho de fim de curso. Acho que seria o caso de entrar em contato com a Cíntia. No post tem os contatos dela! ;)

    ResponderExcluir

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo