♥ O DIA DOS NAMORADOS (1ª parte) ♥

em 10 junho 2011

"Não acredito que seja indicativo de amor qualquer coisa que envolva dinheiro. Esse papo de traduzir o valor de uma pessoa através daquilo que compra para ela é um vício de relação. Deturpa a porra toda. Monetizar sentimentos é fácil para quem tem dinheiro. Quem tem grana não ama mais, ora, só gasta mais!"
Essa foi uma opinião que eu li aqui. E me pareceu bem coerente. E não parou por aí...
"Ninguém no casal deve se sentir um prêmio a ser conquistado a cada data especial. Essa desigualdade de obrigações supõe que a mulher já é um presente só por existir, se depilar, ficar cheirosa e fazer sexo com o namorado. Se ela não tivesse namorado, ela ainda existiria, se depilaria, ficaria cheirosa e faria sexo. Só que com outras pessoas. A menos, é claro, que a mulher SÓ tenha vaidade quando está namorando. Aí ela merece todos os presentes do mundo pelo esforço. E toda a análise do universo pela falta de autoestima." 
kkkkkkkk Rolei de rir com essa parte. E pasmem, tem mulher que só se cuida pra conquistar mesmo... depois que namora há um tempo, casa... se descuida... vai entender! 
"Muitas vezes os dias mais importantes de um namoro acontecem quando você – em vez de gastar um centavo sequer – diz ou faz alguma coisa inesquecível e surpreendente. Romantismo com dinheiro é muito óbvio, é quase como se fosse uma fórmula infalível. A vida dá milhões de oportunidades para você ser uma pessoa exemplar – como namorado – independentemente de gastos."
Ohw, que fofo! 
Concordo que em 365 dias do ano, não há a "obrigação" de gastar dinheiro numa determinada data, tão mais importante para os "outros", para o "comércio", do que para o casal em si! Muito melhor é receber um presente surpresa, numa data realmente "importante" para os dois e pensar: "ohw, ele lembra disso..." 
Ou num dia absolutamente normal, um dia como outro qualquer...
Mas, em contra partida, é claro que a gente também fica feliz com essas "datas comerciais", né não?rsrsrs
Eu gosto de planejar detalhes. Adoro detalhes. Desde bilhetes escondidos na roupa, café na cama e lingerie especial, até recado no espelho de manhã... adooooooooooro! =)
Não dá pra fazer isso todo dia. Claro que também é gostoso fazer uma surpresa assim num dia qualquer... sem nada para "comemorar". Afinal, estar ao lado de quem se ama já é o motivo maior para comemorações!
Bem, no caso dos casais com filhos (como eu! rsrs), as vezes a gente planeja e o pimpolho simplesmente "vira a noite" nesse dia!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkk Então, nada melhor que ter um "plano" para um dia qualquer. Se der pra ser no "Dia dos Namorados", ótimo!!! Senão... vale dia 13, 14, 15, 16... enfim, qualquer outro! Porque "imprevistos" acontecem... e acreditem, normalmente "nessas horas"!!!! kkkkkkkkkkkkkk Mas é muito gostoso planejar dias assim... e não apenas para uma data "comercial", mas apenas para lembrar ao outro o quanto ele é especial!
A maioria das pessoas estabelece datas especiais para manifestar o seu amor pelo outro: é o dia do aniversário, o natal, o aniversário de casamento, o dia dos namorados... Para elas, expressar amor é como usar talheres de prata: é bonito, sofisticado, mas somente em ocasiões muito especiais! E alguns não dizem nunca o que sentem ao outro. Acreditam que o outro sabe que é amado e pronto. Não é preciso dizer.
É preciso SIM! Por mais tempo que já esteja ao lado de alguém, por mais que já tenha feito, falado, demonstrado... AMOR é gratuito... não se compra, não se deve, não se cobra e o mais importante: não se gasta!!! Então, também não pode se desgastar... certo?
Pessoas especiais devem receber nosso amor SEMPRE! =)
Bjks!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo