♥ AMOR DE BICHO ♥

em 23 julho 2014

Oi gente!?: =)
Desde ontem que eu estava "engasgada" para escrever por aqui... desabafar mesmo!
Ontem foi um dia muito triste. Na verdade, anteontem a noite eu comecei a sentir minha Dama um pouco cabisbaixa. Ela está com 12 anos. Está cega, quase nenhum faro, nenhum dente, e com sinais avançados de senilidade. Mas ainda tinha uma alegria que anteontem não era a mesma... :(
E ontem então, nooooooossa! Amanheceu muito tristinha, chorando (alto) pelos cantos, suspirando, sem querer comer. Nem salsicha ou presunto, que ela adora!!! Tirei a manhã para acariciá-la ainda mais. Um delicioso banho morno, cheio de paparicos. E fiquei com ela no colo, chorando e agradecendo todo o carinho à mim dedicado, a vida inteira. Cheguei a publicar uma foto da minha "preta" no Instagram, compartilhando minha sensação de tristeza:
Eu tinha uma reunião a tarde, e saí de casa com o apertado de deixá-la só. Morrendo de medo de ao voltar, encontrá-la sem vida. 
Graças a Deus ela estava "bem". Não bem ainda... mas não havia acontecido o pior. Continuava chorando e suspirando, como se estivesse sentindo uma dor que eu não sabia onde era... Não era ao toque, ela simplesmente "uivava", como uma saudade, algo assim...  E assim fomos dormir. 
Hoje ela amanheceu normal. Animadinha, sem chororô e suspiros... enfim, o seu normal (embora esteja com idade avançada). Fiquei feliz! 
Mas coincidentemente, vi no mural de uma amiga de faculdade do meu esposo, o falecimento de um cão, exatamente ontem. Era um filhote da Dama com o Brad (o macho que faleceu há alguns anos atrás). Dama teve seus primeiros filhotes exatamente no mesmo dia que nasceu o meu primeiro filhote. Ohwn... toda vez que eu amamentava Dandan, ela deitava nos meus pés e amamentava seus filhotinhos...
Sempre teve uma ligação grande com Dandan: 
 
Ohwn...Dois desses filhotinhos eu acompanhei o crescimento, de longe, por fotos no face, pois foram para pessoas conhecidas. Um deles foi para essa amiga do meu marido. Recebeu o nome de "Bradinho", por ser a cara do pai:
Brad era um cachorro daqueles que daria para escrever um livro!!! kkkk Fumou, tomou porre, entrou em puteiro e igreja... rsrsrs Cada coisa que contando, ninguém acredita!!! "Xamone amava o xuxu" 
Da mesma forma que "Xamone ama a xuxa", ou "rica", ou "preta"!!! Tenho mania de apelidos, perceberam???? rsrsrsrs
Mas hoje o post é sobre esse amor de bicho!!! Depois que li no face sobre a morte do filhote, fiquei pensando se ontem minha Dama (a mãe) não estaria sentindo essa "perda", e tivesse passado o dia sofrendo junto... Dama sempre foi uma mãezona com seus filhotinhos, só vocês vendo!!! ;)
Infelizmente não dava pra ficar com eles! he he he No dia que eu morar no meio do mato, vou ter muuuuuitos... quem chegar, será bem-vindo! :) 
Olha aí o filhote (já velhinho também), da minha Dama com Brad:
Puxou coisas da mãe e do pai! Ohwn...
Será que o coração de mãe ficou apertado ontem, quando seu filhotinho morreu?
Caramba, pensei que ela estivesse no seu último dia, tamanha a tristeza que ela demonstrava.
Ela não queria nada. Só chorar no meu colo... se aconchegar!
E era apenas o que eu podia lhe dar: AMOR!
Bjks!

Simone Aline, Blogueira S.A., fashionblogger, beautyblogger, consultório virtual


QUER DE$CONTO$ EM MAQUIAGENS, ROUPAS, SAPATOS E COSMÉTICOS?
CLIQUE AQUI E CONHEÇA NOSSAS LOJAS PARCEIRAS!


6 comentários:

  1. Haja coração pra ler um post assim!!!!!!
    Meu pretinho tem apenas 2 anos, mas as vz choro só de imaginar o dia q ele chegar na velhice. O que temos mesmo é que aproveitar cada minuto, cada brincadeira, cada sonequinha no nosso colo, porque um dia chegará a vez deles, os nossos!
    :-) Forçaaaaaaa bjo

    ResponderExcluir
  2. Todos os cães merecem o céu...dá uma tristeza profunda...

    ResponderExcluir
  3. Simone, eu acho que ela pode ter sentido sim.
    Quem convive com cachorros sabe que eles têm um sentido muito apurado, e um amor inexplicável.
    Eu tive um casal, anos atrás, meus 2 primeiros depois de casada.
    Um dia o macho ficou muito doente, e no dia que ele morreu a fêmea ficou aflita, estavam separados há 2 semanas mas eu deixei ela ir na garagem vê-lo.
    Foi tocante demais.
    Ela sentou, deitou ao lado dele, que já não andava mais.
    Lambeu, ficou o dia todo com ele.
    Quando a coloquei de volta no fundo ele morreu, em menos de 20 minutos.
    Foi muito triste e doloroso.
    E minha Menininha sente quando marido está nos dias ruins, sabe?
    Ela deita nos pés dele, como se quisesse consolar.
    Ela tem 9 anos, e eu sinto uma dor no coração ao pensar que ela está velhinha e não vai ficar comigo pra sempre...
    E pra encerrar minha Brisa está com a doença do carrapato.
    Coração daquele jeito, sabe?

    Cheiros na sua Dama...

    ResponderExcluir
  4. Nossa que post lindo Si, muito emocionante
    o que aconteceu com a Dama, o nome é por causa
    do filme a Dama e o vagabundo???


    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nossa Simone fiquei emocionada com sua história. Tenho uma cadelinha que em breve vou contar sua história, pois vi que ela foi abandonada e ao ve-la na internet lembrei de outra cachorrinha q a carol teve e deu para o primo. E acabei adotando em abril do ano passado e ai em agosto começou a passar mal (tem convulsões) no começo ficava mais desesperada. Agora já sei como lidar ele fica meio surda e cega na semana que passa mal. Mas é muito linda fico pensando quando um dia ela não aguentar mais.

    ResponderExcluir

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo