SINTONIA

em 26 setembro 2018

Oi gente linda :)


Contei pra vocês que comecei um treinamento de autoconhecimento  e tem sido muito bom "olhar pra dentro". Sem descuidar de absolutamente nada do que eu preciso dedicar meu tempo e minhas forças.


Filhotes em época de provas, papai ainda tem consultas pós-operatórias, e mamãe segue bem - na medida do possível. E eu sigo bem também, graças a Deus. Mas mesmo eu já sendo o "agente familiar" (aquele que acaba fazendo tudo na família), eu queria melhorar. Porque reclamar é sempre a solução mais fácil. E sim, eu reclamo... sou filha de Deus, né minha gente?! Mas no geral, sou de suportar muuuuuuuuito, muito mesmo.  Mas para eu reclamar, é porque realmente o negócio tá passando dos limites.


E todos temos limites, certo? Mas eu não gosto de limites do mal, e queria me fortalecer com meus limites do bem. Conseguem entender a diferença? É aquela velha história:



Otimistas dizem que o copo está meio cheio. E pessimistas acham que o copo está meio vazio.


Confesso que as vezes a gente nem percebe que está deixando o lado "obscuro da força" falar mais alto. E isso é  muito ruim, para nós mesmos. Então temos que sempre nos vigiar, nos controlar. Palavras são agouros e devemos profetizar o bom e o bem


Eu sempre fui positiva, alto-astral, e sempre preferi olhar as coisas com bons olhos. Mas focar sempre foi problema pra mim. Geminiana, né mores??? Como ensinar uma mulher geminiana a focar em alguma coisa? rsrsrsrs


"Você tem que saber o que realmente deseja... e você tem que estar em sintonia com esse desejo para ser capaz de manifestá-lo com sucesso." (...) Eu estou amando essa leitura. Assim que você definir sua intenção em relação ao seu objetivo, você definirá o seu caminho.  
Talvez você não saiba como ou quando as coisas se desdobrarão, mas perceba que, ao canalizar a sua energia nessa intenção, você passará a atrair uma nova vida e a viver de uma nova forma." (A Chave da Abundância)


Encontrar nossa sintonia, e conseguir equilibrar tudo, é difícil. Mas não é impossível. É um treinamento intenso (e delicioso) de autoconhecimento. Mas acreditem: quem ganha mais com isso não são os outros, somos nós mesmos!


É como fazer uma viagem... para um local desconhecido, embora a gente ache que se conhece muito bem já!


Super beijo,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo