Roupa infantil: como inserir as crianças na escolha do que vestir

em 27 novembro 2019

Se, de repente, seu filho se manifestar mais sobre as opções do seu guarda-roupa, parabéns! Esse é um sinal de que seu filho está crescendo. Não importa se você deseja comprar jeans e outras roupas infantis femininas para sua princesa ou comprar shorts masculinos de heróis para seu filho, a criança continuará a querer usar aquilo que realmente gosta e se sente bem.

Há muitas discussões sobre as perspectivas dos pais em permitir que seus filhos vistam suas roupas infantis à sua maneira. E estudos recentes mostraram que a maioria dos pais que permitiram que seus filhos escolhessem suas próprias roupas não se arrepende dessa decisão. Aqui estão alguns dos três principais benefícios pelos quais os pais devem incentivar seus filhos a escolher suas próprias roupas:
Dá mais senso de responsabilidade
Permitir que seu filhos vistam a roupa que escolherem é uma boa maneira de ensiná-los a serem independentes e a aceitar os resultados de suas decisões. As crianças não gostam de fazer algo que não entendem nem apreciam o significado de fazer algo apenas porque lhes foi dito. Elas realmente precisam aprender mais com suas próprias experiências pessoais porque você não será capaz de controlar o que vestirão e farão para sempre.


Permite que elas se expressem
Desde sempre, as crianças tentam descobrir quem são. A maioria dos pais escolhe peças da moda infantil para os filhos de acordo com sua própria personalidade, mas isso pode causar um ressentimento pelos pequenos não serem eles mesmos e não serem capazes de se expressar da maneira que desejam. Portanto, como pai ou mãe, tente entender a personalidade do seu filho. Compreenda que às vezes ele ou ela precisa expressar a maneira como pensa. Dessa forma, as crianças terão auto-estima e se sentirão mais confiantes em relação a si mesmos no futuro.


Existem limites na escolha de roupas de criança
É bom permitir que seus filhos se vistam à sua maneira. No entanto, às vezes você terá que intervir porque certamente não quer que seu filho fique com um visual totalmente inadequado. O que você precisa fazer é dar aos seus filhos liberdade e lição sobre as normas da sociedade. Eles precisam aprender e entender certas regras se você quiser que elas sejam responsáveis ​​por suas decisões.
Essas são algumas das coisas com as quais você se beneficiará se permitir (até certo ponto) que seus filhos usem o que querem. Então, por que não incluí-los no processo de compras? Quando estiver navegando em lojas de roupa infantil online e procurando pelas melhores peças, pergunte a seus filhos sobre sua própria opinião sobre determinados produtos. 


Se, por exemplo, dentre todos os shorts da seção de roupa infantil masculina o seu filho escolher os que não combinam com o resto do guarda-roupa, diga a ele por que ele precisa escolher outro modelo sem fazê-lo se sentir mal. Você pode dizer a ele que o padrão não corresponde à camiseta escolhida ou algo semelhante. Seu filho vai entender e aceitar o seu conselho.

Faça da tarefa de comprar roupas para crianças um momento de diversão entre família e torne os momentos de se vestirem muito mais divertidos!

2 comentários:

  1. Tem criança que escolheria só a fantasia de super-herói se não tivesse nenhum limite né...

    cobaiaamiga.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk Meu filho mais velho era assim quando criança. Se deixasse ele iria de fantasia até em casamento! rs E ele incorporava o personagem, queria ser chamado pelo nome da "identidade secreta". Os vizinhos morriam de rir com ele. Quando chegou na adolescência, passou a detestar fantasias. Vai entender.... rsrsrsrs

      Excluir

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!



Topo