O NATAL DE 2020

Que esse ano foi todo diferente, nem precisamos dizer... o ano de 2020 ainda está de pernas para o ar, literalmente! E claro que o Natal não seria diferente. Por aqui, tentamos não surtar por causa da pandemia. Tomamos os devidos cuidados, mas não nos isolamos completamente. Afinal, sabíamos que a vacina iria demorar. E assim o ano passou! VOOU, né? E todos nós tivemos que aprender a conviver com a pandemia da melhor forma. e cuidar de nós e das pessoas a nossa volta.

Casamos dia 20/12 (de 1997 kkkk), e somente nosso primeiro natal foi separado das nossas famílias, pois estávamos em lua de mel. Os primeiros natais depois de casados eram sempre na nossa em casa, e reuníamos a minha família e a do Klaus. E os sobrinhos sempre eram o "foco". Crianças alegram demais a casa, o natal então! É magia pura! Afinal eles passam anos acreditando no bom velhinho. rs Ohwn... inocência que eu amo!

E assim foram por anos e anos e anos... Vieram os filhos, os filhos dos sobrinhos que cresceram... Mas as famílias também cresceram e foram se mudando de endereços. Nem todos estão no Rio de Janeiro mais, e já não temos mais crianças em casa, então, o Papai Noel já não é presença esperada. Meus pais não aguentariam ceiar meia noite, porque eles dormem por volta de 20h!!! Tadinhos... E o Natal mesmo é dia 25! A gente gosta de comemorar de véspera, porque tem a chegada do Papai Noel, a ceia, o amigo secreto, as brincadeiras... Mas quando as crianças crescem, quando não tem como reunir toda a família mais, a véspera acaba perdendo um pouco a graça. 

Esse ano, na véspera de Natal, fomos lanchar com meus pais:

Eu sempre vou lá na casa deles por volta de 19 / 19:30, porque é o horário que eles comem alguma coisinha, fazem um lanchinho. Só papai as vezes janta comida mesmo. Mas na véspera de natal, não fui sozinha, fui com marido e filhotes. E levamos um lanchinho diferente, temático, claro: bolinho de bacalhau, chocotone, rabanada, castanhas... rs 
Eles adoraram a surpresa. E depois disso, fiz a rotina da noite deles: lavar dentadura da mamãe, dar os remédios deles, colocar fralda noturna no papai, massagem nas pernas dele... E fomos pra nossa casa:
Foi a primeira vez que passamos o natal somente os 4! E foi gostoso do mesmo jeito! Presentinhos na árvore, ceiamos a meia noite, e fomos dormir.
No dia 25, nos reunimos na casa da minha irmã do meio, para o almoço de Natal:
E mais tarde, pegamos a estrada rumo a Região dos Lagos, e fomos jantar na casa da cunhada, que mora em Araruama:

Foi um natal diferente e delicioso! 
Esse foi um ano muito difícil para todos nós, diferente de todos que já vivemos. E eu confesso que nem me empolguei tanto com essa data que AMO
Mas acabou que ela foi especial como tem que ser, e que eu consegui ver todo mundo que eu queria no dia 25/12 (ou quase todo mundo)! E o que eu pedi para o aniversariante do dia foi saúde, para cuidar dos meus filhotes idosos por muitos e muitos anos pela frente. E dinheiro, para que eles tenham "a melhor idade" conforme merecem! Dinheiro eu ainda não tenho! kkkkk Mas amor não me falta, e saúde também 🙏 Então, só me resta esperar esse ano de 2020 acabar, torcer para a bendita vacina chegar logo, essa joça de pandemia passar e eu ficar rica! rsrsrs Não custa nada sonhar, né? rs

Beijos da Si

0 CLIQUE AQUI!:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz ao ler seu comentário. Mesmo que seja uma crítica, feita com educação, é bem-vinda para que o conteúdo do blog possa sempre melhorar!

QUER SE DESTACAR NO INSTAGRAM?
E-BOOK

Atualizações do Instagram

Subir